Conteúdo

Saneamento e gestão de resíduos fazem de Santos uma referência ambiental  

18 de setembro de 2019
18h 25

O alto nível de gestão de resíduos, abastecimento de água tratada e ampla cobertura em coleta de esgoto fizeram Santos conquistar, pelo segundo ano consecutivo, o primeiro lugar na categoria Meio Ambiente do Ranking Connected Smart Cities 2019.

O levantamento, que ainda elencou Santos no 6º lugar na classificação geral, avalia as mais conectadas e inteligentes do País. O estudo foi feito pela empresa de consultoria Urban Systems, em parceria com a Setor, e divulgado na última terça-feira (17), durante evento realizado no Centro de Convenções Frei Caneca, na Capital paulista.  

O prefeito Paulo Alexandre Barbosa comentou a conquista. “A premiação é fruto do trabalho que vem sendo feito na Cidade, com implantação de novas tecnologias e utilização da inteligência para melhorar a qualidade do serviço público. É um reconhecimento nacional, muito importante, que nos estimula a trabalhar cada vez mais”.

Entre os fatores que contribuíram para a consolidação no primeiro lugar em Meio Ambiente estão “a destinação correta dos resíduos e o fortalecimento da reciclagem”, conforme explica o secretário de Meio Ambiente, Marcos Libório. “Também podemos citar a disponibilidade e utilização correta dos serviços públicos, o controle, fiscalização e aumento dos índices de coleta seletiva”.

O responsável pela pasta citou o levantamento como um motivador para os próximos desafios. “Estas métricas comparativas de gestão utilizadas pela Urban System servem como diretrizes para melhores práticas de sustentabilidade e cidadania, além de trazerem um caráter educativo para a população. A conquista demonstra que estamos no caminho certo”.

O mapeamento vai ao encontro do levantamento do Atlas do Desenvolvimento Humano do Brasil, que mostra Santos na 6º posição - entre os 5.565 municípios brasileiros - em Índice de Desenvolvimento Humano (IDHM), com registro de 0,840 e reforça a característica de ampla qualidade de vida dos santistas.

 

LEVANTAMENTO

O estudo foi feito com o objetivo de mapear as cidades com maior potencial de desenvolvimento no Brasil e considera todos os municípios com mais de 50 mil habitantes (666) do País.

 

O Ranking Connected Smart Cities é apresentado em quatro frentes: geral, por eixo temático, por região e por faixa populacional. Entre os eixos temáticos, é composto por indicadores de 11 setores: mobilidade, urbanismo, meio ambiente, tecnologia e inovação, economia, educação, saúde, segurança, empreendedorismo, governança e energia.

 

Programas santistas de inclusão social também são reconhecidos. 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.