Conteúdo
Notícias

Fumacê contra o Aedes chega a mais três bairros de Santos

Publicado: 22 de março de 2021 - 10h58

A Seção de Controle de Vetores, da Secretaria Municipal de Saúde, realiza entre terça (23) e quinta-feira (25) nebulização em todo o bairro São Manoel e em parte dos bairros Embaré e Macuco, visando combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela urbana.

A nebulização será do tipo fumacê, usando um carro para dispersar o inseticida no São Manoel, e outro veículo percorrendo partes do Embaré e Macuco. Nestes dois bairros, o quadrilátero abrangido inclui toda área inserida entre as avenidas Pedro Lessa, Senador Dantas, Siqueira Campos, Mário Covas Júnior (ex-Avenida Portuária) e Almirante Cóchrane.

Na última sexta-feira (19) a nebulização ocorreu no Rádio Clube e no Castelo, bairros da Zona Noroeste, em uma ação iniciada na quarta-feira (10).

DIFERENTES

A nebulização com o fumacê difere das outras quatro realizadas em Santos este ano - Estuário, Ponta da Praia, Macuco e Gonzaga. Nas anteriores, o produto era dispersado com um equipamento costal colocado nos agentes. Essa aplicação é mais direta, direcionada a pontos como ralos e vasos com plantas. Neste caso, a recomendação é para que o morador saia da residência por 30 minutos.

Já na nebulização com o fumacê, como a realizada no Rádio Clube e no Macuco, o morador não precisa sair de casa. O veículo passa três vezes no mesmo local para ter eficácia. É pedido ao morador que deixe portas e janelas abertas e, se possível, que levante a colcha da cama.

DADOS

Santos registrou este ano 249 casos de chikungunya e 145 de dengue - nenhum de zika. O último registro de febre amarela urbana data da década de 1940.