Seu navegador não possui suporte para JavaScript o que impede a página de funcionar de forma correta.
Mensagem do Periodo Eleitoral

Atenção

Em cumprimento ao Artigo 73 da Lei Eleitoral nº 9.504/97, as redes sociais e o portal da Prefeitura, a partir de 6 de julho até o final do processo eleitoral de 2024, publicarão apenas conteúdo de utilidade pública.

Conteúdo
Notícias

Estudantes de Santos participam de atividades para reforçar aprendizado dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Publicado: 7 de junho de 2024 - 15h28

Preservar o meio em que vivemos, conhecer o território, valorizar a fauna e a flora, interagindo com animais de vida livre. Assim foi a manhã dos alunos da UME Esmeraldo Tarquínio, de 6, 7 e 8 anos (1° ao 3° anos), que frequentam a jornada ampliada no Núcleo Rádio Clube II, nesta sexta-feira (7).

As atividades foram realizadas no Jardim Botânico Chico Mendes (Bom Retiro) sob a orientação dos educadores do núcleo, para reforçar o aprendizado em relação aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A visita monitorada, realizada pelo biólogo do equipamento, João Vitor Hernandez, mostrou aos alunos a beleza do lugar, mas principalmente a relação entre a flora e a fauna. “Quando falamos do Jardim Botânico, não estamos falando de um parque comum que as pessoas vêm para passar o dia como o lazer. É muito mais, principalmente na parte da preservação, conservação, para poder entender a importância das árvores como contexto geral. Principalmente agora, com as mudanças climáticas, as árvores ajudam imensamente. A flora e fauna estão totalmente interligadas. Por isso que mostramos as coleções botânicas e quais são as inter-relações com os animais".

Para o aluno Henry Vicente Leite, 9 anos, Jardim Botânico é um local onde o aprendizado acontece de forma natural. “Estou achando legal vir aqui com o pessoal do Núcleo para aprender mais coisas. É importante estar aqui pra gente ver os animais, saber que é importante cuidar da natureza e não deixar poluir o meio-ambiente."

Para Gustavo Martins Rodrigues, 8 anos, o tempo de decomposição do lixo nos oceanos foi algo que chamou a atenção. "Eu ainda não tinha aprendido sobre a decomposição desses lixos que as pessoas jogam, por isso é bom sair do núcleo para aprender coisas assim. Eu gosto da natureza, porque consigo ver a água, os peixes, tudo."

Numa das atividades, de interação no parque sensorial, a aluna Micaela Ferreira, 8 anos, pôde se colocar no lugar de uma criança cega, passando por estações feitas com materiais diversos, como folhas, areia e palitos. “Eu gostei, mesmo com os olhos fechados consegui sentir bem as coisas no meu pé. Achei muito legal para saber como as pessoas se sentem".

Para a educadora Elenilda Amorim, articuladora do núcleo Rádio Clube II Mundo Novo, a atividade serve de reforço para o aprendizado. "Mostrar para nossos alunos a importância do território, para eles terem consciência, estarem passando para os pais, amigos e família. Assim, vão crescer conscientes, críticas, pois já sabem das suas escolhas, respeitando os locais, seja fauna, flora, o ambiente urbano, principalmente o local de convívio deles, que é o núcleo, a escola."

Confira outras atividades realizadas por outros núcleos

 

Esta iniciativa contempla o item 4 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU: Educação de Qualidade. Conheça os outros artigos dos ODS.