Conteúdo

Aquário de Santos terá jogo da memória com objetos descartados nas praias

15 de janeiro de 2020
17h 45

Bolas de futebol, bonecos de variados estilos, bichos de pelúcia, chinelos e outros objetos descartados irregularmente nas praias são figuras do jogo da memória que passará a ser utilizado nas aulas de conscientização ambiental promovidas pelo Aquário Municipal para o público infantil.

O material foi doado nesta quarta-feira (15) pelo fotógrafo e arquiteto Marcos Piffer, que já tem as imagens desse trabalho expostas na fachada do equipamento. Segundo ele, o intuito é de que, durante a brincadeira, se discutam questões como “o descarte correto do lixo e a onipresença do plástico, que aparece em lugares errados, além do consumismo exagerado”.

Piffer revela que a ideia surgiu durante a própria tese de mestrado em Design. “Comecei a desenvolver um jogo educativo, que tivesse a ver com o lixo que chega à praia”, conta, lembrando que todo o material fotografado tem relação com a infância. “Há uma analogia com o filme Toy Story (que apresenta brinquedos com vida), com a memória dos objetos deixados e com os sentimentos agregados”.

Fotos: Isabela Carrari 

Galeria de Imagens

dois homens mostram peça do jogo #pracegover
mãos mostram peça do jogo #pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.