Conteúdo

Zona Noroeste de Santos ganha Centro de Comércio

1 de setembro de 2019
11h 43

A entrega do tão esperado Centro de Atendimento ao Turista e de Comércio de Artesanato da Zona Noroeste (CATZNO), à Praça Bruno Barbosa s/nº (Castelo), foi marcada no sábado (31) pelo anúncio da isenção do pagamento mensal de taxas municipais (cerca de R$400,00 por mês) para os permissionários, válida pelo período de um ano. A inauguração do equipamento foi destaque do último dia de comemorações pelo aniversário de 43 anos da Zona Noroeste.

“A melhor forma de comemorar o aniversário da região é poder retribuir a confiança da comunidade. Sabendo da preocupação dos comerciantes com a casa nova, o funcionamento dela, a mudança e o período de adaptação, conseguimos a isenção para ajudar o negócio a engrenar”, explicou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa na cerimônia de entrega do equipamento. O edifício térreo possui três entradas, sendo bem arejado e formado por 40 boxes (cada um com 6,2 m²), dois deles para lanchonetes, além de três sanitários (um destinado às pessoas com deficiência), setor administrativo, depósito e sala para o Posto de Informação Turística.

Para o presidente da Associação do Comércio Popular da Zona Noroeste, Edinaldo dos Santos, a novidade sobre isenção das taxas foi a ‘cereja do bolo’ da festa. “Com essa notícia, ficou melhor ainda. Estamos todos emocionados, pois seremos um ponto de referência da Zona Noroeste e as vendas dos comerciantes devem melhorar em 100%”.

O aumento do lucro também faz parte da perspectiva da futura comerciante Lucia dos Santos Lima, que acredita no potencial do local para chamar a atenção de novos clientes. “O local está ótimo e as pessoas terão curiosidade de entrar para conhecer. Também não ficamos expostos ao sol e à chuva ou ventania, quando acabávamos perdendo algumas coisas. É um sonho realizado e já me sinto uma empresária”.

CLIENTES

Acostumada a frequentar o antigo espaço onde os ambulantes trabalhavam, Joselice Salazar fez questão de acompanhar a inauguração e conferir a novidade. “Eu adorei porque é mais organizado, tem banheiros, e nossa região fica mais valorizada. Agora temos uma cobertura, e assim ficamos mais bem acolhidos. Esse lugar será uma referência para nós moradores”.

O CATZNO recebeu o nome ‘José Fernandes de Gouveia’, em homenagem a um dos comerciantes mais tradicionais da região. O evento contou com a participação da população, autoridades municipais e representante da Ecovias, empresa que concluiu a obra, no valor de aproximadamente R$2 milhões, como parte do Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigadoras e Compensatórias (TRIMMC) das obras rodoviárias que integram a Nova Entrada de Santos.

Foto: Rogério Bomfim.

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.