Conteúdo

Vidros devem ser descartados sob cuidados 

4 de setembro de 2018
14h 22

Com o aumento de mais de 100% no volume recolhido pela Coleta Seletiva, ao completar um ano da vigência do Programa Recicla Santos, ampliou-se o risco de acidentes com vidros para os coletores que atuam nas ruas e o pessoal que trabalha na triagem dos recicláveis.

Mesmo utilizando equipamento de proteção como luvas, os trabalhadores que lidam com o material descartado podem se machucar com estilhaços que se dispersam com facilidade quando mal embalados.  

Para evitar esses acidentes, a recomendação da Secretaria de Meio Ambiente é no sentido de que o munícipe embale garrafas, copos ou potes com papel jornal ou outro material, como embalagens plásticas, que também serão enviadas para reciclagem. Outra opção, para reduzir o volume, é quebrar o vidro e embalá-lo com cuidado.

Mais cuidadoso ainda será identificar essas embalagens com a informação de que contêm vidro, permitindo que sejam manuseadas com mais atenção. 

Uma vez na cooperativa, os utensílios são quebrados para envio a empresas de reaproveitamento. A reciclagem de vidro contribui para a redução da extração de areia, a principal matéria-prima empregada na sua confecção. O vidro é 100% reciclável.