Conteúdo

Servidores municipais do Poupatempo serão avaliados individualmente

22 de junho de 2015
13h 48

Para manter o padrão de excelência dos serviços da Prefeitura no Poupatempo Santos, que têm aprovação de 98% pelos usuários e tempo médio de atendimento de quatro minutos, foram estabelecidos os critérios e sistemas da avaliação periódica dos 57 servidores municipais que atuam na unidade. Eles estão definidos no decreto n° 7.150, publicado no Diário Oficial da última quinta-feira (18), às páginas B1 e B2.

A avaliação tem entre os seus objetivos valorizar e reconhecer o desempenho eficiente e observar os critérios: comportamento (zero a 20 pontos), funcional, iniciativa, presteza (zero a 15 pontos), assiduidade (zero a 10 pontos), aproveitamento em capacitação, pontualidade, uso adequado dos materiais e equipamentos, aproveitamento dos recursos disponíveis e integração (zero a cinco pontos).

A partir desta pontuação, os servidores terão avaliação que pode variar de "excelente" (90 a 100 pontos), "bom" (70 a 89), "regular" (50 a 69) e "insatisfatório" (inferior a 50 pontos). Quem tiver resultado "insatisfatório" terá revogada a designação para atuar no Poupatempo. O primeiro processo de avaliação será realizado em até 60 dias e compreenderá o desempenho dos últimos doze meses. Este trabalho ocorrerá anualmente e será feito por Comissão de Avaliação, formada por três integrantes da Secretaria de Gestão (Seges).

Unidade

O Poupatempo Santos é mantido em parceria pelo Governo do Estado e Prefeitura. Entre os serviços municipais oferecidos estão requerimentos, processos administrativos e atendimentos relativos a multas de trânsito, relações de consumo (Procon), tributos, Dívida Ativa, entre outros. A unidade funciona à rua João Pessoa, 246 (Centro) de segunda a sexta-feira, das 8 às 17h, e aos sábados, das 8 às 13h.

Gratificação é incorporada ao salário

Os servidores designados para atuar no Poupatempo Santos têm jornada de 40 horas semanais, distribuídas de segunda-feira a sábado, e recebem Gratificação de Desempenho de Atividades no valor atual de R$ 1.406,57 (pagos a sete supervisores) e R$ 1.191,01 (50 atendentes), quantia que passou a ser incorporada à remuneração na proporção de 20% ao ano - até o limite de 100% - por meio da lei complementar nº 849 de 2014. Em caso de ausências, o servidor tem desconto no valor do benefício de 25% (uma falta) a 50% (duas faltas), deixando de receber quando tiver três ou mais ausências ou mais de 60 minutos de atrasos no mês (lei 657/ 2009).

Objetivos da avaliação:

Valorizar e reconhecer o desempenho eficiente;

Aferir o desempenho no exercício de cargo ocupado ou atividade exercida;

Identificar necessidades de capacitação;

Fornecer subsídios à política de gestão de pessoas;

Aprimorar o desempenho no atendimento prestado;

Possibilitar o estreitamento das relações interpessoais e a cooperação entre os colaboradores;

Contribuir para o crescimento profissional e o desenvolvimento de novas habilidades;

Implementação do princípio da eficiência e eficácia na administração municipal;

Identificar habilidades e talentos;

Estimular a reflexão e a conscientização do papel de cada colaborador no contexto organizacional.

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.