Seu navegador não possui suporte para JavaScript o que impede a página de funcionar de forma correta.
Conteúdo
Notícias

Servidores de Santos participam de palestra sobre o Setembro Amarelo

Publicado: 30 de agosto de 2022 - 20h09
PORTAIS

Para marcar o início da campanha Setembro Amarelo, mês de conscientização e prevenção ao suicídio, a Secretaria de Gestão da Prefeitura promoveu palestra para servidores nesta terça-feira (30), com o objetivo de orientar sobre como agir em situações que indicam a possibilidade desse ato.

A psicóloga Luciana França abordou situações que envolvem o suicídio, como o comportamento do indivíduo, maneiras de prevenção e formas de ajudar. A apresentação foi complementada por exibição de vídeos com relatos de pessoas enlutadas. Segundo a profissional, existem indícios que contribuem para perceber o comportamento suicida, como a desesperança, o isolamento e a mudança de comportamento.

Servidores aprenderam e compartilharam experiências

Outra orientação foi a conversa sem julgamento, de preferência em lugar seguro, para que a pessoa que esteja passando pelo sofrimento possa reduzir a tensão e talvez aliviar o que está sentindo. “É importante dar essa abertura para as pessoas falarem; vai ser um alívio enorme para quem está sofrendo”, disse a psicóloga.

Técnico de enfermagem de um dos centros de atenção psicossocial (Caps) da Prefeitura, Cristian Félix se interessou pela palestra. “Vim até aqui para compartilhar conhecimento, pois vejo essa demanda todo dia, então posso ter uma alternativa na abordagem”.

A psicóloga Laís Ramos Ribeiro também lida com essa realidade na área da saúde. “Acho que deveria ter essa palestra para o público em geral, porque é preciso conversar e discutir mais sobre o assunto. Às vezes, as pessoas que passam por isso acham que é apenas com elas, então não comunicam sobre a situação com outras”.

A ação foi realizada pela Seção de Apoio Comportamental (Seacomp), do Departamento de Gestão de Pessoas e Ambiente de Trabalho (Degepat).

Pessoas que precisam de ajuda devem procurar o Centro de Valorização da Vida (CVV) e os serviços de assistência especializada da Secretaria Municipal de Saúde voltados para a saúde mental.

Conteúdo do Relacionado

Para ver todas as novidades sobre "Gestão" visite o Portal Gestão