Conteúdo

Servidoras gestantes e que amamentam podem requerer regime home-office em Santos

24 de junho de 2020
18h 14

Servidoras da Prefeitura de Santos que estejam grávidas ou amamentando poderão continuar trabalhando em regime de ‘home office’, mesmo com os serviços públicos municipais não essenciais sendo parcialmente retomados.

A portaria que permite a permanência neste tipo de rotina para as servidoras nessas condições e que sejam vinculadas à Secretaria de Gestão (Seges) foi publicada no Diário Oficial.  

No caso das gestantes, independentemente da secretaria em que atuam, podem requerer o regime “home office” para sua chefia imediata, conforme explica o secretário de Gestão, Adriano Leocádio. “Todas as servidoras que estiverem grávidas têm a possibilidade de requerer à sua chefia a condição de trabalhar em casa. Este é, reconhecidamente, um grupo de risco pela Organização Mundial da Saúde”. Já quanto ao período de amamentação, as regras de outras secretarias da Administração são de responsabilidade dos respectivos gestores. 

MÃE SERVIDORA NÃO PARA

O distanciamento social não foi obstáculo para que conhecimento e orientação sobre a maternidade chegassem às gestantes ou mães de recém-nascidos.

A rede de apoio criada para servidoras da Administração Municipal que estão grávidas, ou que vivem o momento do pós-parto, o Mãe Servidora, continua com atendimentos.

Desde o início da pandemia, o Mãe Servidora já prestou atendimentos para tirar dúvidas sobre amamentação, utilização de sling (técnica que consiste em utilizar panos para unir mãe e bebê em uma espécie de “canguru”) e passar outras dicas do mundo da maternidade. Tudo por meio de ferramentas virtuais como videochamadas e telefonemas.

A iniciativa é do Departamento de Gestão de Pessoas e Ambientes de Trabalho (Degepat) e do ComViver (Programa de Promoção à Saúde e Qualidade de Vida do Servidor), ambos ligados à Secretaria de Gestão (Seges), em parceria com o projeto de extensão Abrace Seu Mundo, da Unifesp.

Para fazer parte do projeto, a servidora deve entrar em contato pelo e-mail comviver@santos.sp.gov.br
 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.