Conteúdo

Semana Saturnino de Brito relembra a história do saneamento na região

6 de novembro de 2018
13h 22

Teve início nesta segunda-feira (6) a Semana Saturnino de Brito, com programação que inclui palestras sobre o engenheiro responsável pelos primeiros canais de Santos e quanto ao futuro do saneamento na região. Ao público também serão oferecidas visitas monitoradas à Usina Terminal de Esgoto, no bairro do José Menino, e à Ponte Pênsil, em São Vicente.

Durante a cerimônia de abertura, Karla Trindade, presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), ressaltou as parcerias firmadas com as cidades do litoral. “A gente reconhece a região como um dos lugares mais desafiadores por conta da densidade populacional e das condições de solo. Para isso, buscamos soluções também desafiadoras”.

Na oportunidade, Santos foi representada pelo secretário de Meio Ambiente, Marcos Libório, que salientou a importância da estrutura fornecida pela Sabesp. “É impossível falar de meio ambiente sem mencionar o saneamento básico. Muito da nossa qualidade de vida se deve aos investimentos nessa área ao longo dos anos”.

As atividades são desenvolvidas pela Sabesp, em parceria com as prefeituras de Santos e São Vicente, a Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem) e as universidades Santa Cecília (Unisanta), Católica de Santos (Unisantos), Paulista (Unip) e São Judas Tadeu. A programação pode ser conferida no site da companhia . O telefone para mais informações é 3202-7000.

SATURNINO DE BRITO

O engenheiro sanitarista Francisco Saturnino Rodrigues de Brito foi responsável pela implantação dos nove primeiros canais de Santos, entre os anos de 1907 e 1911. Foram projetados por ele os canais 1 ao 6, que iniciam na orla da praia, além dos instalados nas avenidas Francisco Manoel (Jabaquara), Moura Ribeiro (Marapé) e Barão de Penedo (José Menino). Ademais da drenagem das águas pluviais, as estruturas têm função ambiental pela separação das águas de córregos da rede de esgoto.

Na Avenida São Francisco, no Centro Histórico, está localizado o Palácio Saturnino de Brito, sede do escritório regional da Sabesp, além do Museu do Saneamento, onde é possível conhecer documentos e maquinários do início do século passado.

 

Foto: Isabela Carrari