Conteúdo

Santos prepara temporada de cruzeiros marítimos

18 de agosto de 2000
0h 00

Ir de automóvel até Santos, passear pela Cidade, pernoitar em um bom hotel, deixar o carro guardado na garagem, mas contar com translado garantido até o porto, para embarcar em luxuoso transatlântico. E, no regresso, aproveitar mais um dia na praia antes de pegar o carro e voltar para casa. Conhecido como ´before and after´ e ideal para quem mora na Capital ou Interior de São Paulo e nos estados das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, esse e outros pacotes estarão à disposição do turista na temporada 2000/01 de cruzeiros marítimos. Com sete navios já confirmados para o próximo verão, a previsão das agências e operadoras é atingir a marca de 107.100 turistas nacionais e estrangeiros, a maior dos últimos seis anos. O turista que estiver em trânsito e quiser matar saudade da terra firme pode optar pelo pacote denominado ´day use´, que fornece translado e toda a infra-estrutura hoteleira, como piscina, restaurante, ´baby-sitter´, etc. Um ´city tour´ pelo Centro Histórico e shoppings e outro com passeio de escuna de duas horas são opcionais. As agências prepararam ainda o ´shuttle bus´, um ônibus que conduz os passageiros até os shoppings da Cidade. O turista vai dispor também de táxis com selo de referência, com motoristas treinados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Secretaria de Esportes e Turismo (Setur). O próprio Sindicato dos Taxistas fará uma triagem dos veículos que atendam a especificações como ar-condicionado, quatro portas, ano de fabricação recente e bom estado de conservação. Quem ainda não conhece as atrações turísticas de Santos pode consultar a folheteria da Cidade durante a compra dos roteiros marítimos. Ou assistir ao filme promocional que será exibido a bordo dos navios, com indicações específicas para passageiros de cruzeiros. Conforto nos Navios e no Terminal Na próxima temporada, todos os navios deverão ancorar no cais do Armazém 25. Nos dias em que houver mais de um transatlântico de cruzeiros no Porto, eles deverão ficar nas proximidades do Armazém 25 e não em outros berços de atracação, de modo a evitar que o turista precise ser conduzido em ônibus, do navio até o terminal. Inaugurado em 1988, o Terminal de Passageiros conta com ar-condicionado, telefones, toaletes, posto de informações turísticas e cafeteria. A partir do próximo verão, o terminal vai aprimorar sua infra-estrutura e abrigar cinco lojas de ´souvenirs´. Dos sete navios com escala confirmada em Santos, o mais novo é o ´Splendour of the Seas´, que tem apenas quatro anos e capacidade para 2.124 passageiros. Ele foi adaptado ao gosto e necessidades de brasileiros e argentinos no que se refere à gastronomia, a entretenimentos e a ´fitness´. Habitués dos mares santistas, o ´Costa Marina´ e o ´Costa Allegra´, ambos com capacidade para 850 pessoas, e o ´Princess Danae´, para 600, voltam esbanjando charme. O ´Triton´, o ´Silver Shadow´ e o ´Mercury´ estréiam em nossas águas. O primeiro possui capacidade para 550 passageiros; o segundo, para 500; e o terceiro, para 2.200. Com início em 12 de novembro deste ano e término em março de 2001, estão previstas 54 escalas de navios de cruzeiros no Porto de Santos, trazendo um total de 107.100 pessoas, considerando-se embarque, desembarque e trânsito. Calcula-se que os passageiros em trânsito cheguem a 13.435, dos quais 7.500 argentinos, 1.000 alemães e 740 americanos, com permanência média de seis horas na Cidade. Segundo levantamento feito pela Setur, o número de turistas de cruzeiros em trânsito por Santos vem subindo a cada ano, com exceção da temporada de 99/2000, que apresentou um movimento de apenas 30.112 pessoas. Ele foi resultado da crise cambial, que desvalorizou o real frente ao dólar. O total de 27.844 pessoas, na temporada 94/95, subiu para 29.765, em 95/96, e atingiu 43.193 no verão de 96/97. Em 97/98, o número desses turistas alcançou 80.010 e, em 98/99, 101.657 passageiros.