Conteúdo

Santos já vacinou mais de 51 mil pessoas contra o sarampo

20 de março de 2019
16h 39

Em menos de três meses, de 1º de janeiro a 20 de março, já foram aplicadas em Santos 51 mil doses da vacina tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola). O número é quase o dobro do total de todo o ano passado (janeiro a dezembro de 2018), quando foram aplicadas 26 mil doses da vacina para todas as faixas etárias.

Do total de vacinados neste ano, quase 33 mil são jovens de 15 a 29 anos, o que representa 36% do público-alvo de 91 mil pessoas nesta faixa etária. A intensificação da vacinação contra o sarampo em Santos começou em 20 de fevereiro, quando foi realizado o primeiro bloqueio vacinal no Porto, após surto da doença no navio MSC Seaview.

Ao todo já houve sete bloqueios no Porto (dias 20, 23 e 26 de fevereiro e dias 2, 9, 15 e 18 de março) com a aplicação de mais de 22 mil doses. A próxima ação de bloqueio será nesta quinta (21), das 7h às 17h, no Terminal Concais para a vacinação dos 5 mil passageiros que vão embarcar no navio MSC Seaview. Um total de 60 profissionais de saúde da Prefeitura atuará na triagem e imunização.

 

MAIS BLOQUEIOS

 

Outros bloqueios estão previstos no domingo (24) e nos próximos dias 27 e 30. As ações são realizadas de forma conjunta entre a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Grupo de Vigilância Epidemiológica (GVE) do governo estadual, Ministério da Saúde e Anvisa, órgão federal responsável pelo controle sanitário no Porto de Santos.

“Apesar de o Brasil ter perdido o certificado de País livre do Sarampo, o Município de Santos está realizando um amplo trabalho de bloqueio vacinal contra a doença, ajudando a minimizar a sua disseminação após o surto no navio de cruzeiros”, destaca o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz. Até o momento, dois casos da doença foram confirmados em munícipes de Santos relacionados ao MSC Seaview, sendo um em passageiro e outro em servidora que participou da investigação epidemiológica na embarcação.

 

UNIDADES

A partir do dia 14 de março também foi ampliada a vacinação em 29 policlínicas, voltadas prioritariamente para jovens de 15 a 29 anos e pessoas de outras idades com o esquema vacinal incompleto. No último sábado (16) houve o Dia D com a abertura excepcional de 22 unidades e um posto móvel na Praça das Bandeiras (Gonzaga), que resultou na imunização de mais de sete mil pessoas.

Quem faz parte do público-alvo da campanha (15 a 29 anos) ou está com o esquema vacinal incompleto pode ir a uma das 29 policlínicas para tomar a vacina. O atendimento é de segunda a sexta, das 9h às 16h. É preciso levar documento de identificação com foto e, se tiver, carteira de vacinação e Cartão SUS.

 

 

Vacinação nas universidades

 

Na noite desta quarta (20) também será realizada vacinação para três mil estudantes da UniSantos no campus Dom Idílio (Av. Conselheiro Nébias, 300, Vila Mathias). A ação é realizada em conjunto pelo Departamento de Vigilância em Saúde (Devig) de Santos com alunos e professores do curso de Enfermagem. Na terça (26) e quarta (27), das 8h às 11h e das 19h às 22h, a ação se repetirá para cinco mil alunos da Unip no campus Rangel (Av. Francisco Manoel s/n°, Vila Mathias).

 

Foto: Marcelo Martins/arquivo