Conteúdo

Reurbanização dá mais fluidez ao trânsito em avenida de Santos

2 de abril de 2020
16h 54

O trânsito no bairro Caneleira terá maior fluidez e segurança com a entrega da reurbanização da Rua Francisco Ferreira Canto, liberada ao tráfego na manhã desta quinta-feira (2). As intervenções abrangeram vias transversais e resultaram em um conjunto de melhorias na área, entres elas duplicação de pista e construção de novo pontilhão. 

 

Uma das principais mudanças decorrentes da obra foi a duplicação do trecho da Rua Dr. Rosário Baptista Conte (sequência da Francisco Ferreira Canto), desde a Rua Gercino Hugo Caparelli até a altura do ferro-velho. A via, antes utilizada nos dois sentidos de direção, sem canteiro central entre as faixas de rolamento, tem agora separação física, tornando a circulação de veículos mais segura.

 

Outra alteração foi a implantação de sentido único no pontilhão de veículos no cruzamento da Rosário Baptista Conte com a Gercino Caparelli, sentido campo do Jabaquara F.C. Assim, os veículos procedentes do Morro da Nova Cintra com destino ao bairro São Jorge ou a São Vicente agora devem utilizar o pontilhão da Praça Júlio Dantas, distante aproximadamente 300 metros. 

Para os pedestres, uma nova ponte foi construída na altura do Engenho dos Erasmos. A liberação ao tráfego ocorreu logo após a ativação do novo conjunto de semáforos para veículos e caminhantes no cruzamento com a Rua Gercino Hugo Caparelli. Em toda a área, também foi renovada a sinalização horizontal (solo) e vertical (placas).

 

MAIS MELHORIAS

A Rua Francisco Ferreira Canto tem intenso fluxo de trânsito diariamente também por servir  de ligação com outros bairros da Zona Noroeste, região dos morros e Zona Leste. Além de pavimentação e remodelação do sistema viário, as obras incluíram a construção de novos passeios,​​​​​​ feitos em concreto desempenado, no padrão Calçada para Todos. 

Também houve a reformulação do sistema de drenagem, implantação de iluminação com lâmpadas de LED, paisagismo, novos pontos de ônibus e lixeiras, limpeza e manutenção do canal, entre outras melhorias. Para tornar mais fácil e seguro o acesso de visitantes ao Engenho dos Erasmos (patrimônio cultural e histórico que faz parte do roteiro da Linha Conheça Santos), foi construída uma baia de ônibus no local. 

Ainda como parte da reurbanização, foi implantada ciclovia desde a Avenida Nossa Senhora de Fátima até o sopé da Nova Cintra, com 850 metros. Foi feita em concreto pigmentado vermelho e está interligada com as ciclovias das avenidas Jovino de Melo e Eleanor Roosevelt, ampliando a malha cicloviária da Cidade para 48,1 km.

    

As obras na Caneleira, executadas sob a supervisão da Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi), compreenderam investimento da ordem de R$ 5,1 milhões, recursos do governo do Estado. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos) elaborou e esteve à frente da implantação do projeto para nova configuração do viário local.

 

Fotos: Anderson Bianchi

Galeria de Imagens

Carro passa na via ao lado de ciclovia sinalizada. #Paratodosverem
Carro e moto estão na via com pavimentação e pintura novas. #Paratodosverem
Vista aérea da avenida renovada, com um campo de futebol à esquerda e prédios e casas à direita. #Paratodosverem