Conteúdo

Projeto ‘Memórias em Rede’ trabalha o afeto de estudantes e moradores antigos pela Cidade

2 de agosto de 2018
16h 15

Alunos das escolas Mário de Almeida Alcântara (Valongo) e Avelino da Paz Vieira (Vila Nova) serão ‘repórteres’ em busca de histórias particulares de anônimos, antigos moradores, que revelem sua afetividade pela Cidade. É o que propõe o projeto Memórias em Rede, que será iniciado nesta sexta-feira (3) com a participação de 30 estudantes entre 11 e 13 anos.

Realizada pelo Instituto Devir Educom, a iniciativa será conduzida pelos princípios da Educomunicação e apoiada nos recursos da comunicação e da tecnologia, com o objetivo de promover o protagonismo de jovens e a troca de conhecimento entre gerações. O intuito é revelar aos adolescentes e a toda sociedade santista a história não-oficial dos lugares de Santos, como ruas, praças, esquinas e edificações que tenham valor afetivo ao morador, significando e ressignificando o espaço público.

Ao ‘brincarem’ de ser jornalistas, editores, produtores ou técnicos, os jovens exercitarão a cidadania, resgatarão a autoestima e desenvolverão o sentido de pertencimento por onde vivem. As atividades transcorrerão na perspectiva da transdisciplinaridade, acompanhando o currículo escolar.

Ao longo de dois semestres, os alunos participarão de oficinas de memória social, jornalismo, fotografia, mídias sociais e edição de vídeos, entre outras, que resultarão em um livro digital interativo construído de forma coletiva e colaborativa com as diferentes linguagens.

O projeto se enquadra no conceito de Tecnologia Social e também visa contribuir para o desenvolvimento social do Município, valorizando as memórias e as histórias de pessoas comuns. Conta com a parceria da Escola SuperGeeks e apoio da Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação (ABPEducom).

Financiamento coletivo

Para as primeiras ações do projeto, a equipe gestora do Instituto Devir Educom promove financiamento coletivo pelo site Vakinha Virtual. Quem colaborar com qualquer quantia concorre a um ensaio fotográfico digital de 50 fotos, a serem feitas na Cidade. Para participar, basta acessar aqui. Outras informações: memoriasemrede2018@gmail.com.

Foto: divulgação

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.