Conteúdo

Profissionais da rede municipal em Santos farão teste rápido de covid-19

19 de janeiro de 2021
13h 53

Com o retorno gradual das aulas presenciais da rede municipal de educação definido para 1º de fevereiro, a Prefeitura fará a testagem rápida da covid-19 dos profissionais que atuam nas escolas municipais e entidades subvencionadas. Os testes serão feitos a partir desta quinta-feira (21), mediante agendamento, com indicação do dia, horário e local.

O anúncio foi feito pelo prefeito Rogério Santos, nesta terça-feira (19), em coletiva de imprensa, no Paço Municipal, que contou com a presença da secretária de Educação, Cristina Barletta, e do secretário de Saúde, Adriano Catapreta. É a segunda vez que os testes são realizados com os profissionais da Educação, que já haviam passado pelo procedimento em novembro de 2020.

O prefeito Rogério Santos destacou o compromisso em retornar as aulas presenciais com toda a segurança possível. "O teste é um benefício que estamos oferecendo aos nossos profissionais, não será obrigatório", disse, acrescentando que os testes são produzidos pelo Instituto Butantan (leia abaixo). Estarão disponíveis cerca de 5 mil exames para professores, equipes gestoras e funcionários em geral.

“A categoria solicitou novamente a testagem e a secretaria de Saúde nos deu todo suporte para a sua realização, autorizada pelo prefeito. O retorno gradual das aulas presenciais nas escolas municipais está sendo feito com o máximo de cautela e responsabilidade, cumprindo todas as normas necessárias”, destacou a secretária Cristina Barletta.

COMO FAZER

Os testes ocorrerão de segunda a sexta em oito policlínicas (Gonzaga, Campo Grande, Martins Fontes, Vila Nova, Jabaquara, Morro São Bento, Castelo e Rádio Clube). As escolas municipais e entidades subvencionadas devem responder e-mail da Secretaria de Educação, informando os nomes dos funcionários, para oagendamento.  

TESTE RÁPIDO

O teste rápido, produzido pelo Instituto Butantan, identifica, em cerca de meia hora, se a pessoa possui os anticorpos IgM (se a pessoa está com a doença no momento) ou IgG (se já teve a infecção). A leitura da amostra de sangue é feita 100% de forma digital, a partir de um aparelho que serve como um leitor laboratorial. A pessoa testada recebe o laudo do exame, assinado, pelo celular.

Fotos: Isabela Carrari/arquivo e Anderson Bianchi

Galeria de Imagens

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.