Conteúdo

Professores de Santos participam de oficina de preparação ao Concurso de Tirinhas

13 de setembro de 2019
15h 52

Um grupo de 30 professores da rede municipal de ensino participou da oficina de formação do Concurso de Tirinhas do Projeto Hora da Cultura, iniciativa da Secretaria de Cultura (Secult) em parceria com a Secretaria de Educação (Seduc), realizada quinta-feira (12) no Centro de Capacitação Darcy Ribeiro.

Lançado no início do mês, o concurso vai abranger mais de 5.600 alunos, do 4º ao 9º ano, de 21 escolas municipais e contará com apoio do Instituto Maurício de Sousa. Tem o objetivo de revelar talentos e estimular crianças e jovens a produzir conteúdo de qualidade, de maneira fácil e divertida.

Durante o encontro, os professores receberam dicas e tiraram dúvidas com profissionais santistas de larga experiência na produção de revistas em quadrinhos e tirinhas para veículos de comunicação. O cartunista e professor Alexandre Alves Barbosa, o Bar, falou sobre o conceito e estrutura dos quadrinhos.

As pesquisadoras e escritoras Daniela Marino e Laluña Machado abordaram pesquisas e estudos de quadrinhos e sua aplicação em sala de aula. Já o cartunista e ilustrador Sérgio Ribeiro Lemos, o Seri, tratou dos processos de como desenvolver uma tirinha.

“Estas oficinas mostraram as possibilidades de transformação por via das histórias em quadrinhos, utilizando novas práticas pedagógicas que potencializam o ensaio e explorando a narrativa do gibi com linguagem cultural e artística”, comentou Marcio de Souza, coordenador do projeto Hora da Cultura.

Interações com estudantes começam na terça

A partir desta terça-feira (17) até o dia 4 de outubro, os especialistas em HQ e instrutores do projeto Hora da Cultura, Sérgio Ribeiro Lemos (Seri), Leandro Altafim, Alexandre Barbosa (Bar) e Cleyton InLoco, vão interagir com os estudantes, durante as oficinas de tirinhas que serão realizadas nas escolas municipais.

Após os encontros, os estudantes poderão escolher o tema de seus trabalhos, assim como o material para colorir a obra.

Cada classe poderá participar com até cinco produções, que serão previamente selecionadas pelos professores das unidades. Os vencedores do Concurso de Tirinhas do Hora da Cultura serão conhecidos durante o Santos Criativa Festival Geek, de 14 a 17 de novembro, no Centro Histórico, e vão ganhar produtos e experiências ligadas ao universo das histórias da Turma da Mônica.

O Hora da Cultura

Criado em 2018 pela parceria das secretarias de Cultura (Secult) e Educação (Seduc), o projeto Hora da Cultura atendeu no ano passado 20 mil estudantes, levando para dentro das escolas diversos segmentos artísticos como música, teatro, cinema, circo e literatura.

A iniciativa tem o objetivo de estimular a formação de plateia, oferecendo a estudantes, professores e funcionários das escolas a oportunidade de criar um olhar artístico, identificar suas raízes culturais e ampliar as possibilidades de conviver em uma sociedade de forma mais criativa, generosa e consciente.

Este ano, o projeto ganhou dois novos parceiros: o Instituto Maurício de Sousa e a organização humanitária Aldeias Infantis SOS, que vão distribuir gibis e proporcionar aos estudantes apresentações da Turma da Mônica, visitas monitoradas ao instituto e palestras com roteiristas, cartunistas e editores.