Conteúdo

Procon-Santos não encontra irregularidades na Operação Dia dos Pais

8 de agosto de 2019
12h 42

A  equipe de fiscalização do Procon – Santos marcou presença em um shopping na Aparecida, com a Operação Dia dos Pais. Não houve registro de multa ou intimação nas vinte lojas visitadas. O trabalho faz parte da rotina do órgão santista, mas foi direcionado às especialmente, nesta quarta-feira (7), aos estabelecimentos que vendem produtos para o público masculino, como calçados, vestuários e perfumes.

Da equipe de fiscais, Gilberto Gonçalves explica que o mais importante na hora da compra é pesquisar. “Depois pechinche e avalie se o valor total bate com o preço à vista ou se o acréscimo não é exagerado, pois encontramos os mesmos produtos por preços muito diferentes. O consumidor deve tomar cuidado para não se iludir com falsas ofertas”.

A gerente da loja Pink Calçados, Janaína Andrade Abraão, considera a visita técnica dos fiscais fundamental para a esclarecimento dela e dos funcionários. “É bom para ficarmos atentos aos muitos detalhes da loja, ainda mais nessa fase de vendas para o Dia dos Pais. Precisamos estar sempre ligados ao consumidor para passar melhor as informações a ele, o que facilita a venda”.

Enquanto procurava um presente, a dona de casa Tarciana Andrade, comentou sobre a presença do Procon causar uma sensação de segurança ao consumidor. "E muito importante que os ficais estejam o ano todo presente para conseguirmos compras seguras porque muitas vezes ficamos com receio de sermos enganados; às vezes vemos um preço na etiqueta da vitrine e dentro da loja a situação é diferente do que foi anunciado”.

Todos os produtos em exposição devem apresentar os preços de forma clara e em evidência para o consumidor. Com a opção de parcelamento, a etiqueta referente à peça deve possuir os dois preços: o total à vista e as parcelas, para o consumidor fazer o comparativo. O comerciante também deve informar os juros, número e periodicidade das prestações quando o pagamento é a prazo.

Segundo o coordenador do Procon-Santos, Rafael Quaresma,  o consumo para esta data deve ser mais representativo do que no último – Dia dos Namorados -, com expectativa de aumento de 6%, conforme a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas. “A presença do Procon é importante para garantir os direitos básicos do consumidores, verificar a política de troca, formas de pagamento e desconto para pagamento à vista. Tudo isso está na lei mas nem todos os consumidores ou comerciantes conhecem”.

 

TROCAS

Ao contrário do que muitos imaginam, a política de trocas é um ato de gentileza do lojista no caso dos produtos sem defeito. Se houver necessidade, por lei, o prazo é de 90 dias para troca. É importante que o cliente mantenha a etiqueta do produto e, dependendo do caso, guarde a nota fiscal.