Conteúdo

Prefeitura substituirá contêineres de lixo no bnh/aparecida

31 de julho de 2000
0h 00

Os moradores do Conjunto Habitacional Castelo Branco (BNH), no bairro da Aparecida, poderão contar, em breve, com as novas caçambas de lixo, de material plástico mais resistente, e que substituirão as 30 antigas de aço galvanizado. No geral, serão 45 caçambas (também chamadas de contêineres) em plástico incombustível (não pegam fogo) e que serão distribuídas estrategicamente por todo o conjunto habitacional. Esses equipamentos são 50% mais leves que os anteriores e têm sistema de engate, o que facilita a coleta pelos caminhões da Terracom, empresa permissionária para fazer os serviços de recolhimento do lixo urbano. Além de mais leve e prático, cada equipamento tem capacidade para 400 quilos de lixo. Para manter ainda a higienização mais rápida do núcleo habitacional, que abriga 91 prédios com 3.288 apartamentos, onde habitam cerca de 15 a 20 mil pessoas, a Terracom que antes fazia uma coleta diária realizará agora duas coletas (às 7 horas e às 19 horas). Ao longo dessa semana, a Prodesan realizará teste com a nova caçamba, que servirá, ao mesmo tempo, para sentir a receptividade dos moradores em relação ao novo equipamento. A Prodesan enfatiza que há a necessidade de que os moradores se conscientizem para zelar pelo equipamento, evitando assim, a ação de vandalismo. Já o presidente do Centro Comunitário Castelo Branco, Miguel Vieira Neri, que assistiu aos testes junto com os habitantes do conjunto, demonstrou satisfação com as melhorias implantadas pela Prefeitura e disse que uma reunião sobre o assunto será realizada, amanhã (2), às 19h30, na sede da entidade (Rua Vergueiro Steidel, 243), envolvendo a Prefeitura, a Prodesan e os moradores do núcleo, para melhores detalhes sobre o assunto.

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.