Conteúdo

Plantio de árvores em Santos mais que triplica em dois meses

18 de março de 2020
16h 35

Aumentou em 70% o número de árvores plantadas nos espaços públicos de Santos no primeiro bimestre deste ano em relação à igual período de 2019. Até o final de fevereiro, o Departamento de Políticas e Controle Ambiental, da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), executou 640 plantios, contra 196 mudas cravadas nos dois primeiros meses de 2019.

 

As mudas chegaram como compensação ambiental por empreendimentos erguidos na Cidade, conforme estabelece a lei municipal de Uso e Ocupação do Solo, ao determinar que, para cada árvore retirada, dez devem ser plantadas. As novas árvores foram plantadas nos bairros São Manoel, Santa Maria, São Jorge, Boqueirão, Aparecida, Ponta da Praia, Pompeia, Jabaquara, Alemoa e Centro, escolhidos após levantamento que levou em conta o número de berços já abertos para plantio.

 

Até o final de março, fechando o primeiro trimestre, outras 450 serão plantadas em calçadas e espaços públicos, totalizando 1.090 plantios. Entre a espécies escolhidas estão ipês, algodão da praia, guanandi, quaresmeira, manacá da serra e clusias.

 

“Todas são nativas, mais resistentes a pragas e com porte adequado ao ambiente urbano”, afirma o engenheiro agrônomo João Cirilo, chefe do setor responsável. Parte desses plantios já contou com a participação dos 29 novos Cuidadores de Árvores que participaram do segundo curso de capacitação, realizado no último dia 9 de março, no Orquidário.

 

Solicitações de plantio devem ser feitas à Ouvidoria Municipal pelo telefone 162, ou pela internet.