Conteúdo

Pacientes com câncer de mama terão ônibus grátis para tratamento em Santos

1 de outubro de 2019
16h 41
Mulheres vestidas com camisetas cor de rosa posam para foto em frente à Prefeitura. Elas estão com os braços para o alto.#Pracegover

Mulheres com câncer de mama atendidas na rede pública ou privada de Santos terão agora gratuidade no transporte coletivo para tratamentos complementares como fisioterapia, psicologia e nutrição. 

A lei 3.603, que garante o benefício, foi sancionada nesta terça-feira (1º) pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa, no salão nobre do Paço, durante o lançamento oficial da campanha Outubro Rosa 2019, realizada pela Prefeitura em parceria com o Instituto Neo Mama.

O evento reuniu autoridades, mulheres do Instituto e voluntárias do Fundo Social de Solidariedade (FSS) para sensibilizar sobre a importância da conscientização e do diagnóstico precoce da doença – ao longo de todo mês serão realizadas várias ações na Cidade (ver programação abaixo).

Para a isenção do pagamento da passagem de ônibus, as pacientes devem agendar perícia na CET-Santos (Companhia de Engenharia de Tráfego) pelo telefone 0800 7719194 (opção 2), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. E já devem ter em mãos o laudo médico. “O câncer de mama é uma doença delicada, que exige atenções e procedimentos permanentes que geram impacto no físico e no emocional. É importante que essa facilidade seja garantida por lei”, afirmou o prefeito.

A presidente do Instituto Neo Mama, Gilze Francisco, disse que “é preciso ter um olhar mais globalizado, multidisciplinar e interdisciplinar para essa mulher”. Ela considerou a sanção da lei uma vitória. “Todo paciente oncológico, aqui em Santos, tem esse direito durante o tratamento. Após os tratamentos principais, muitas vezes a mulher precisa de fisioterapia a médio e longo prazo, ou tratamento psicológico, de nutrição. Ela tem uma despesa grande com condução e perde em qualidade de vida. Precisamos impulsionar a vida delas”.

 

ORÇAMENTO

Atendida no Instituto da Mulher, a auxiliar de enfermagem Regina de Souza Piucco, 54 anos, foi uma das mulheres que esteve no lançamento da campanha e que se beneficiará da gratuidade no transporte público. Ela precisou fazer cirurgia em agosto do ano passado para retirada de um câncer no seio esquerdo e agora faz fisioterapia. “Foi uma benção essa aprovação, porque a gente gasta muito. Eu fazia ‘químio’ toda quarta-feira e não podia ir sozinha, só com acompanhante. Isso pesa no orçamento da gente”, disse a moradora do Embaré, que descobriu a doença fazendo autoexame no banho em fevereiro de 2018. “Eu não quis acreditar, mas minha preocupação maior era meu filho, de 19 anos, minha maior motivação. Graças a Deus, superei”.

 

NÚMEROS

O secretário de Saúde, Fábio Ferraz, destacou as ações de conscientização desenvolvidas na rede pública municipal e disse que a Cidade fechou 2018 com média de 1.200 exames de mamografia realizados por mês. “No Brasil são 60 mil mulheres anualmente acometidas pelo câncer de mama, mas 95% delas, quando descobrem a doença precocemente, tem uma porcentagem de cura muito grande”.

Gilze acrescentou que “não se pode fechar os olhos para uma causa que está levando a vida de muitas mulheres. Com diagnóstico precoce essas perdas podem ser minimizadas”.

Também estavam a vereadora Audrey Kleys, autora da indicação que originou o projeto de lei do executivo que concede a isenção; a procuradora geral do Município, Renata Arraes; a presidente do FSS, Maria Ignez Barbosa; a coordenadora de Políticas para a Mulher, Diná Ferreira Oliveira; o presidente da Câmara, Rui de Rosis, e Eduardo Ribeiro Adriano, do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano, e o que mais mata. Por ano, são quase 60 mil novos casos da doença no Brasil, com 14 mil óbitos por sua decorrência.

 

 

PROGRAMAÇÃO

 

  • 1º a 31 de Outubro – Iluminação rosa de prédios históricos e espaços públicos, entre eles o Paço Municipal e o Salão Nobre Esmeraldo Tarquínio, a Pinacoteca Benedito Calixto e o eixo turístico do Gonzaga.
  • 1º de Outubro a 30 de Dezembro – Realização de mamografia na Unidade Móvel de segunda a sexta, das 9h às 12h (demanda espontânea) e das 13h às 16h (mediante agendamento), na Praça Mauá (Centro).
  • Dia 5 de Outubro – Dia D nas 31 policlínicas de Santos com agendamento de exames de mamografia e coleta de papanicolau (exame preventivo do câncer de colo do útero), além da realização de atividades como oficinas de autoexame da mama, orientações de métodos contraceptivos, entre outras ações.
  • Dia 20 de Outubro – 10ª Caminhada e 5ª Remada Rosa, que terão saída às 10 horas do Aquário Municipal. Por conta das obras da Nova Ponta da Praia, o evento seguirá em direção ao José Menino (ao invés do Ferry Boat) até a Avenida Almirante Cóchrane (canal 5), retornando ao Aquário.

Foto: Isabela Carrari

 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.