Conteúdo

Organismos emissores de luzes coloridas chamam atenção de crianças no Aquário de Santos

23 de julho de 2019
15h 34

Os seres geradores da própria luz e encontrados em oceanos e florestas encantaram os pequenos participantes do curso O Incrível Mundo dos Organismos Bioluminescentes, no Aquário de Santos, nesta terça (23).

A atividade contou com cerca de 20 crianças, de 8 a 11 anos, que assistiram a uma palestra e, a partir dos conhecimentos adquiridos, puderam desenhar e inventar suas criaturas que emitem luz com auxílio de canetas fluorescentes.

De coloração azul, verde, vermelha e amarela, os seres bioluminescentes foram apresentados pelas biólogas e irmãs Tatiana e Veridiana Possati Vieira de Matos, que explicaram como a luz é emitida a partir de uma reação química dentro de cada organismo envolvendo oxigênio, o pigmento luciferina e da enzima luciferase, e de que forma essa luz é utilizada em cada espécie, a maioria encontrada na vida marinha e no período noturno. “Mas esse tipo de reação química também é produzida por fungos, bactérias, cupins, peixes e larvas. O inseto vagalume, por exemplo, usa a luz piscante para atrair parceiros para reprodução e se comunicar”, explica Tatiana.

Uma das mais velhas do grupo foi Gabriela Rolemberg, de 11 anos, que aproveitou para fazer várias fotos. “Muito legal. É algo que eu ainda não tinha aprendido na escola. E como sou escoteira do mar, esse curso incrementou minhas pesquisas. Vou imprimir as fotos e apresentar lá no grupo”, contou.

Entre as curiosidades, as biólogas mostraram uma foto tirada do mar em Santos há cera de 3 anos, onde aparecem vários plânctons em marolas. “É comum aparecer em águas limpas”, contou Tatiana. Onde há organismos bioluminescentes é sinal de que o ecossistema está saudável e conservado, porque estes seres são sensíveis e suscetíveis à poluição.

Entre os familiares que levaram as crianças até o parque, Ana Kalassa El Banat, mãe de Pedro e responsável por levar mais dois amigos do menino, se mostrou satisfeita em ver o filho participando da atividade, que considera de caráter científico e investigativo. “Essas atividades são sempre concorridas e, pela primeira vez, consegui inscrevê-lo. É uma iniciativa que a gente espera nas férias e importante porque o curso mostra o quanto é importante preservar o meio ambiente e quanto isso depende da nossa ação”.

Os tradicionais cursos de férias do Aquário terminam na sexta-feira (26).

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.