Conteúdo

Oficina da Ação do Coração é atividade inaugural do Núcleo de Educação para a Paz

31 de julho de 2018
16h 48

Linhas, agulhas, enchimento acrílico, tecidos coloridos e muita criatividade foram utilizados em oficina para a confecção de corações por funcionários da Secretaria de Educação (Seduc) e das escolas. O grupo se reuniu nesta terça-feira (31), nos dois períodos, no Núcleo de Educação para a Paz (NEP), a fim de apoiar a Ação do Coração.

O tema desta sétima edição é “Nosso Coração, Nosso Território - Refugiados, Excluídos e Migrantes”, com participação de refugiados e migrantes atendidos por ONGs parceiras do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR). Os corações serão levados para distribuição no dia 2 de agosto, na Praça Mauá, no Centro. 

“A Ação do Coração tem tudo a ver com a Justiça Restaurativa realizada nas escolas. Cada coração é uma criança, que precisa de carinho, amor, precisa pensar e decidir o que é melhor”, afirmou a professora de Arte da unidade Cidade de Santos e multiplicadora da Justiça Restaurativa, Maria do Socorro Chaves Hernandes, que já participou da oficina em outra escola que trabalhou, a José da Costa e Silva Sobrinho.

As empresas apoiadoras da JustIça Restaurativa são VLI (Valor da Logística Integrada) e CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz).

CONCURSO

Duzentos e cinquenta alunos gremistas participaram de concurso de desenho (ensino fundamental I) e redação (fundamental II), com base no tema da campanha deste ano. Os ganhadores, Gabriel de Oliveira Rocha, do 5º ano da escola João Papa Sobrinho, e Jéssica Vitória Rosário da Silva, do 9º ano da Florestan Fernandes, receberam do organizador da Ação do Coração, Alexandre Camilo, ingressos gratuitos para assistir nesta terça, no Cine Roxy, ao filme Transilvânia. Na ocasião, eles vão ser premiados com headphones.

Foto: Isabela Carrari

 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.