Conteúdo
Notícias

Moradores da região do Mercado Municipal em Santos recebem atendimentos de saúde

Publicado: 28 de novembro de 2021 - 15h46

Um verdadeiro mutirão de saúde em benefício de moradores e da população em situação de rua foi realizado neste domingo (28), na Praça Nagasaki (Vila Nova), na região do Mercado Municipal, em Santos. Foram mais de 100 atendimentos realizados pelos voluntários da ONG Médicos do Mundo, de diversas especialidades, além dos profissionais de serviços itinerantes como Consultório na Rua, Odontomóvel e Castramóvel, da Prefeitura.

Foi a 5ª ação mensal do Médicos do Mundo, que desde junho atua junto à população da Vila Nova e já contabiliza um total de 400 atendimentos. Criada em 2015, a iniciativa também acontece em outras 12 cidades brasileiras, entre elas São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Caxias do Sul (RS), Ponta Grossa (PR), Itajubá (MG) e Tubarão (SC).

“Nossa proposta não é apenas levar atendimento humanizado a uma população em estado de vulnerabilidade, mas também criar um vínculo dessas pessoas com os serviços médicos e sociais das cidades, para que cuidem de sua saúde, sejam encorajadas a sair das ruas e consigam reestruturar suas vidas”, afirmou Maythê Roman, coordenadora geral da ong em Santos.

Leide, 39 anos, aproveitou a mobilização para avaliar as condições gerais de saúde da filha Lorena, de oito meses. Ela também recebeu orientações nutricionais e aproveitou para passar por uma consulta odontológica.

“Quanto mais a gente se cuidar, melhor, né? Se a gente não se cuidar, ninguém cuida”. Ela ainda conseguiu sensibilizar a amiga Selma e sua filha Larissa, de 4 anos, a passar na triagem e receber o atendimento de que necessitam.

ENVOLVIMENTO 

A prefeita em exercício Renata Bravo e o secretário de Saúde Adriano Catapreta acompanharam as atividades. “Esta ação é da maior importância para atender um público que normalmente não chega aos serviços públicos. E todos, indistintamente, merecem atenção e cuidados”, afirmou Renata.

Ela também enalteceu o envolvimento dos santistas nessa iniciativa. “Anteriormente, o número de voluntários era menor e a maioria desses colaboradores era de fora. Hoje, a maior parte já é de Santos”, diz.

O secretário de Saúde destacou a aproximação dos serviços de saúde da população mais necessitada. “O atendimento chega onde essas pessoas vivem. Queremos envolver sobretudo a população que normalmente não se cuida, estabelecendo um vínculo de confiança com a Policlínica da Vila Nova, que atende esta região”, frisou Catapreta.

INSANOS MC 

As ações do dia contaram, mais uma vez, com a colaboração do Insanos Moto Clube na infraestrutura e segurança. “A população poderia ficar intimidada com a presença da Polícia Militar ou da Guarda Municipal”, comentou Antônio Carlos Gênio Pitta, mais conhecido por Pitta, diretor da regional de Santos.

Criado em dezembro de 2015, as ações sociais são o forte do Insanos, que está presente em todos os estados brasileiros e em 14 países, com comando mundial e nacional partindo de Osasco (SP). Neste domingo foram mobilizados cerca de 50 motociclistas.

“Todos que estão aqui se apresentaram voluntariamente”, afirmou Pitta, confidenciando que a participação também oferece resultados positivos para os próprios filiados, além da satisfação de atender ao próximo. “Quando se vem para colaborar com uma iniciativa deste porte, as pessoas passam a olhar para os outros e param de reclamar de suas vidas”, comentou.

SERVIÇOS 

 Além da aferição de pressão, batimentos cardíacos, frequência respiratória e curativos, a população teve acesso a atendimento clínico, odontológico, psicológico e social, e até auriculoterapia. Já os pets contaram com atendimento veterinário, inclusive com agendamento para castração.

Também foi realizada vacinação contra a Covid-19 e testagem de sífilis, HIV e hepatites, com resultado no ato. Já o teste de escarro, para identificação de casos de tuberculose, que fica pronto em 10 dias, envolve equipes da ação social para a busca ativa de casos positivos e a sensibilização do paciente para manter o tratamento e alcançar a cura. O público também contou com uma tenda com roupas à disposição.

 

 

Galeria de Imagens

Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS
Fotos: Marcelo Martins / PMS