Conteúdo

Mobilização em Santos arrecada 20 toneladas de alimentos e 200 mil corações de tecido

2 de agosto de 2019
17h 01
Pessoas estão na praça recolhendo corações que estão no chão. #Pracegover

Mais uma edição de sucesso para promover a esperança: 20 toneladas de alimentos arrecadados e mais de 200 mil corações de tecido costurados à mão doados. Esse é o resultado da Ação do Coração 2019, campanha encerrada nesta manhã (2) com a tradicional festa na Praça Mauá. Cerca de 5 mil pessoas foram ao Centro para conferir a programação especial da 8ª edição, cujo tema foi ‘Proteção – Quem Ama, Cuida’ e receber os corações de tecido de recordação.

A campanha contabilizou 33 oficinas oficiais de confecção de corações de pano, além da corrente de solidariedade promovida por anônimos que organizam eventos para promover outras oficinas e doações de alimentos. “O que vale é saber que há tantas pessoas aderindo ao movimento, o quanto as pessoas buscam esse sentimento. Quanto mais arrecadamos, mais pessoas são beneficiadas”, comentou Alexandre Camilo, idealizador do evento.

A capacidade do evento em envolver a comunidade para doação de afeto foi destacada pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa. “É uma ação de harmonia, e nós precisamos disso todo dia para viver em uma cidade melhor e um mundo melhor. Que Santos possa ser abençoada todo ano com essa ação maravilhosa”.

PÚBLICO ESPECIAL

 

Próximo ao palco, Maria das Dores Barreto, moradora do bairro Vila Nova, segurava no colo a sobrinha Alice, 4, que tinha o desejo de ver o local para onde iam os corações que havia ajudado a confeccionar. “Ela está amando ver essa festa e aqui neste lugar sinto uma energia de muito carinho porque colocamos amor nos corações que fazemos. Às vezes estamos deprimidas e quando começamos a fazer esses coraçõezinhos, já nos alegramos”.

Entre as dezenas de voluntários que atuaram no encerramento da campanha, estava Mariliza Lourenço das Neves, que há sete anos participa deste trabalho e percebe a necessidade de afeto da população. “As pessoas vêm aqui em busca de carinho e encontram porque aqui é como se nós pudéssemos fazer o céu descer à Terra. A energia emanada é muito grande. Estar neste lugar é uma renovação de alma, é um momento de fé, caridade e de esperança”.

O evento contou com apresentação da Orquestra do Instituto Pão de Açúcar, sob regência de Daniel Misiuk, dos cantores Didi Gomes e Fernando Negrão, que abriram a distribuição dos corações pelos voluntários, entrega dos corações para os internados em hospitais e caminhada da Praça Mauá até o Santuário Santo Antônio do Valongo, onde foi celebrado ato inter-religioso com representantes de diferentes religiões.

 

BALANÇO

 

De acordo com a Guarda Civil Municipal, não houve registro de ocorrências. Atuaram 10 homens em patrulhamento com apoio de três viaturas, além dos agentes de trânsito da CET. Uma equipe de saúde, formada por enfermeira, três técnicos de enfermagem e um condutor atenderam oito pessoas, a maioria idosos. Houve duas remoções para a Santa Casa e uma para a UPA Central. O apoio da Prefeitura ao evento foi estendido com a estrutura e montagem de palco, tendas e o som contratados pela Secretaria de Cultura.

 

Fotos: Isabela Carrari

Galeria de Imagens

O organizador do evento solta um drone com um coração pendurado. ele está cercado de pessoas. #Pracegover
O organizador Alexandre Camilo solta drone no evento
O piso da praça coberto por milhares de corações. O palco e a Prefeitura aparecem ao fundo. #Pracegover
A Praça Mauá ficou coberta de corações de tecido
Crianças recolhem corações e entregam para o público que está fora da área delimitada de corações. #Pracegover
População aderiu ao movimento

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.