Seu navegador não possui suporte para JavaScript o que impede a página de funcionar de forma correta.
Mensagem do Periodo Eleitoral

Atenção

Em cumprimento ao Artigo 73 da Lei Eleitoral nº 9.504/97, as redes sociais e o portal da Prefeitura, a partir de 6 de julho até o final do processo eleitoral de 2024, publicarão apenas conteúdo de utilidade pública.

Conteúdo
Notícias

Mais que um bairro, a 'casa' de um santo e de um rei: assim é o Valongo, em Santos

Publicado: 12 de junho de 2024 - 16h29

Luigi di Vaio

Um santo e um rei juntos, dividindo o mesmo 'lar'. São poucos os bairros de qualquer cidade que podem 'hospedar' dois importantes personagens históricos. Por isso, o Valongo pode causar inveja a outras localidades. O bairro santista, que aniversaria nesta quinta-feira (13), é a 'casa' do Santuário Santo Antônio do Valongo, praticamente vizinho ao Museu Pelé.

Fotos: Arquivo/PMS

Com muita história e tradição, o Valongo viu a volta de santistas e turistas com os esforços da Prefeitura de Santos em centralizar eventos dos mais variados tipos, para diferentes públicos - seja no Museu Pelé (Largo Marquês de Monte Alegre, 1), seja nos Arcos do Valongo (Rua Comendador Neto, 3).

Foto: Arquivo/PMS

Falando em Museu Pelé, o equipamento inaugurado em 15 de junho de 2014 está perto de chegar a uma marca histórica: já são 490 mil visitantes desde que abriu as portas, próximo a meio milhão de visitas.

O espaço tem média mensal de 5 mil visitantes e atingiu o recorde de visitação de mais de 6 mil pessoas no dia 30 de dezembro de 2022, um dia após a morte do Rei do Futebol. Além de abrigar peças do acervo de Edson Arantes do Nascimento, o museu tem recebido eventos de diversas categorias.

Outro prédio histórico é o da Estação do Valongo, sede da Secretaria Municipal de Empreendimento, Economia Criativa e Turismo (Seectur). O prédio foi inaugurado em 1867 pela São Paulo Railway, sendo a primeira estação ferroviária do Estado de São Paulo.

A Estação do Valongo também abriga o Estação Bistrô Restaurante-Escola, fruto de uma parceria entre a Seectur e a Unisantos, responsável pela formação de jovens nos cursos de serviços de alimentos e bebidas. Os estudantes, entre 18 e 29 anos, são encaminhados pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds), que concede uma bolsa no valor de um salário mínimo (R$ 1,3 mil, atualmente) e vale-transporte aos jovens.

E é da frente deste imponente casarão que saem os passeios da Linha Turística do Bonde, que propicia um interessante passeio por pontos históricos e culturais. Os elétricos dos séculos 19 e 20 percorrem o Centro Histórico, em roteiro adaptado com sistema de audioguia e Libras. São veículos originais, vindos de Portugal, Itália, Escócia e Japão. A presença destes veículos deu a Santos o título de Museu Vivo Internacional de Bondes da América Latina.

UM NOVO VALONGO

As ações da Prefeitura de Santos deixam hoje o Valongo com um pé no passado - tendo a preservação dos casarões históricos como base das iniciativas - e outro no futuro. E isso atraiu investidores, como enfatiza o diretor comercial da RC Intermediações e representante da empresa paulistana Draft Construtora em Santos, Roberto Coutinho. Ele é um dos empresários que estão à frente de um empreendimento residencial que contará com 1.088 unidades habitacionais, distribuídas em seis torres, e que contará também centro comercial com 52 estabelecimentos comerciais que incluirão academias de rede e até supermercado.

"O Valongo é um bairro com muita tradição e nós, da Draft Construtora, tivemos a grata satisfação de conhecer os projetos da Prefeitura que estavam previstos para esta região do Centro Histórico", assinala o empreendedor. O residencial, conta, já teve 200 unidades reservadas, mesmo na fase de pré-lançamento.

Roberto Coutinho não esconde o otimismo com o crescimento do bairro. "O Valongo promete muito. Temos a possibilidade de ter aqui o novo terminal de passageiros da Concais, a primeira fase do projeto do Porto Valongo (no bairro vizinho Porto Valongo) está praticamente pronta, entre outras iniciativas. Fizemos questão de colocar o nome como Residencial Novo Valongo porque o bairro terá toda uma nova infraestrutura". As obras devem começar em novembro deste ano e o empreendimento está previsto para ser entregue em dezembro de 2027.

HISTÓRIA

O historiador da Fundação Arquivo e Memória de Santos (Fams), Dionísio de Almeida, afirma que o Valongo começou a se formar, gradativamente, a partir do início do povoamento de Santos, com a chegada de Braz Cubas, na primeira metade do século 16. "Esse povoamento vai em direção onde hoje é o bairro Valongo, mas a ocupação do lugar de uma forma mais efetiva só vai acontecer mesmo a partir da construção do Santuário Santo Antônio do Valongo por volta de 1640". A data de comemoração é 13 de junho por estar associada ao Dia de Santo Antônio.

Esta iniciativa contempla o item 11 dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU: Cidades e Comunidades Sustentáveis. Conheça os outros itens do ODS