Conteúdo

Mães de alunos autistas de Santos aprendem a fazer brinquedos com materiais recicláveis

31 de julho de 2019
17h 22

Ensinar mães de alunos autistas a fazer brinquedos e jogos com materiais recicláveis foi a marca do quarto encontro do projeto TE(A)Colho (referência ao Transtorno de Espectro Autista - TEA), realizado nesta quarta-feira (31) na escola municipal Lobo Viana.

A iniciativa, que ocorre mensalmente, nasceu da angústia e insegurança dos pais sentidas pelas professoras de AEE (Atendimento Educacional Especializado) da unidade, Valéria Fernandes e Roseane Freitas, que atendem os estudantes com deficiência na Sala de Recursos Multifuncionais. A unidade possui 21 alunos incluídos, sendo 19 com TEA.

Nesta edição, as participantes confeccionaram uma boneca africana Abayomi, feita de sobras de tecido, que são amarrados, sem uso de costuras e o mínimo de ferramentas. “Construir os brinquedos é muito mais interessante do que dá-los prontos à criança porque surgem inúmeras possibilidades”, disse Valéria.

Caixas de remédios e perfumes, cartelas de ovos, tampas plásticas, canudos, potes de margarina, entre diversos objetos, também foram apresentados como formas de criar brinquedos. “Temos que oferecer ao autista as mesmas brincadeiras que oferecemos aos outros, mas com focos de atenção e interesse como coisas visuais, coloridas, que rodam.”

Para Roseane, os encontros fizeram surgir um grande vínculo entre os pais. “Formaram um grupo do WhatsApp, frequentam eventos e programas juntos, trocam ideias e experiências. Além disso, o TE(A)Colho trouxe conhecimento, inclusive sobre tratamentos como a equoterapia.”

Viviane Hernandes, 29, mãe de Marcela, 5, afirmou que se sente muito acolhida, cercada de pessoas empáticas quanto às suas lutas e dilemas. “Minha filha desenvolveu muito. Entrou aqui, no ano passado, de fralda, carrinho e chupeta e, em uma semana, deixou tudo isso.”

Nas 83 escolas municipais de Santos há 917 alunos incluídos. Destes, 574 possuem TEA.

Galeria de Imagens

mães sentadas em tapete no chão #pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.