Conteúdo
Notícias

Iprev Santos recebe novo certificado por sistema de gestão

Publicado: 14 de outubro de 2021
18h 48

O Instituto de Previdência Social dos Servidores Públicos Municipais de Santos (Iprev Santos) recebeu, nesta quinta-feira (14), um certificado de manutenção do sistema de gestão antissuborno, emitido pela empresa de auditoria RBNA Consult, que verificou o cumprimento da norma ISO 37001 – referente à prevenção de subornos para obtenção de vantagens nos serviços prestados pela instituição.

Entre as ações avaliadas como eficientes está a pesquisa da vida pregressa de profissionais que atuam no instituto, incluindo funcionários, colaboradores e prestadores de serviço. “Há um procedimento pré-definido, com consultas nas esferas cível e criminal. Quando constatado algum histórico que fuja aos conceitos do Iprev, o caso é levado a uma comissão”, explica Jean Viana, chefe da Seção de Apoio Administrativo e gestor do sistema antissuborno (compliance) do órgão.

A auditoria avalia também os setores mais suscetíveis a suborno, que, em institutos de previdência, incluem o referente às perícias médicas que definem se o trabalhador está física e psicologicamente apto ao trabalho, ou se necessita ser afastado. “Nesse caso, firmamos termos de compromisso, indicando que estamos monitorando esse serviço”, relata Viana, acrescentando que a cada três meses são realizados treinamentos para qualificação dos profissionais da área pericial.

CONFIRMAÇÃO DE PROCEDIMENTOS

O certificado de sistema de gestão antissuborno é emitido a cada três anos e foi conferido ao Iprev em outubro de 2020 – segundo órgão público brasileiro a obtê-lo. Anualmente, o sistema é reavaliado e, apresentando resultados satisfatórios, resulta na emissão de novos documentos que certificam a manutenção dos procedimentos adotados. A última auditoria no instituto foi realizada no início deste mês.

QUALIDADE

Para o presidente o Iprev Santos, Rui Sérgio De Rosis Júnior, “a manutenção da certificação antissuborno é importante para a consolidação das melhores práticas de gestão no Instituto e contribui para a perenidade de uma cultura organizacional de qualidade”.