Conteúdo

Geladeira vira prateleira de livros em escola

17 de novembro de 2018
10h 00

Uma geladeira que seria descartada se transformou numa geloteca: uma prateleira de livros aberta à comunidade. Com publicações para crianças e adultos, o antigo eletrodoméstico está à disposição do público na escola municipal Cely de Moura Negrini (Praça Prof. José Oliveira Lopes, 62, Rádio Clube. O objetivo principal é incentivar para que, cada vez mais, os pais leiam para seus filhos.

“Os filhos se influenciam pelas atitudes dos pais. Por isso, queremos que os adultos leiam mais”, comenta a coordenadora pedagógica Maria Aparecida de Jesus. “Nossa comunidade escolar é muito participativa. Os pais adoram quando temos atividades que envolvem a leitura e eles próprios. Estamos incentivando esse hábito cada vez mais”.

“Abra e sirva-se”, convida a bibliotecária da Secretaria da Educação Cristina Zinezi, idealizadora do projeto. “Traçamos o perfil de cada geloteca, que depende do público que frequenta a escola”. A geloteca contém livros infantis na parte de baixo, acessível aos pequenos e, onde costumava ser o freezer, ficam os títulos para os adultos.

Segundo ela, desde a inauguração da prateleira no último dia 26, aniversário de 50 anos da escola, mais de 80% dos livros já foram embora na escola pioneira do projeto. “Chegamos à conclusão que precisamos abastecer a geloteca a cada quinze dias, para mantê-la sempre em funcionamento”, comenta a bibliotecária.

Com a instalação de mais uma geloteca, na escola Pedro Crescenti (Av. Brigadeiro Faria Lima s/nº, também no Rádio Clube), a bibliotecária comemora, mas pede doações. “Nosso maior problema é encontrar geladeiras para doação. Queremos expandir para toda a rede municipal”.

A autônoma Mônica Borja, 27 anos, já conhecia o projeto através de seu filho, que estuda na ‘Pedro Crescenti’. Ela, que gosta de ler, reclama de não ter mais tempo para a atividade, mas assegura que incentiva seu filho. “Sempre passo atividades para ele que envolvam a leitura. Ele escreve bem por isso”, conta. “Inclusive, vou levar aquele livro ali, do Snoopy. Ele vai adorar”.

Interessados em doar geladeiras podem entrar em contato com a Sebibli, através do telefone 3224-1497.

Fotos: Francisco Arrais 

Galeria de Imagens

duas mulheres estão na frente da geloteca pegando livro #pracegover