Conteúdo

Festival do Imigrante termina neste domingo em Santos recheado de atrações

6 de outubro de 2019
10h 30

Uma volta ao mundo sem sair do Valongo. A 1ª edição do Festival do Imigrante chega ao fim neste domingo (6) com atrações e delícias para todos os gostos e paladares. Afinal, a praça de alimentação do evento realizado pela Prefeitura de Santos, localizada no estacionamento do Santuário do Valongo, traz pratos e comidas típicas de 11 países.

Ali em frente no palco principal, a partir das 12h, o grupo folclórico alemão Tirol anima a festa. Às 13h, é vez de a exótica cultura grega ter destaque, com a apresentação do Grupo Apolo de Danças Gregas. Às 14h, o Grupo Folclórico Caminos da España promete fazer uma apresentação caliente (quente, no idioma espanhol).

Dando sequência à programação do palco principal, às 15h, os bailarinos da Escola Livre de Dança de Santos apresentam toda a técnica do sapateado irlandês. Às 16h, a maior comunidade estrangeira da Cidade, os portugueses, mostra toda força de sua tradição com o Rancho Folclórico Veteranos Apaixonados pelo Folclore, Rancho Folclórico Típico Madeirense e o show de fado com Ana Carla, Wallace Oliveira e Sérgio Borges.

Fechando as apresentações musicais do festival, uma atração infantil e o tributo à uma banda lendária do rock. Às 18h, será exibido o espetáculo A Branca de Neve, do Grupo Hora de Brincar. E por fim, às 19h, a Banda Kings of the Queen cantam os maiores hits da banda britânica comandada por Freddie Mercury.

O 1º Festival do Imigrante, organizado pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur), vai muito além de boa comida e música. Quem for até a região do Largo Marquês de Monte Alegre vai curtir ainda a feira de artesanato criativo, oficinas culturais e mostra de filmes estrangeiros, tudo isso dentro do Museu Pelé. Em frente à ‘casa’ do Rei do Futebol fica o espaço kids, para a criançada se divertir à vontade.

 

Segunda dia teve bonde japonês, boa música e teatro de bonecos

 

Na acalorada tarde de sábado (5), quem trocou a praia pelas atrações do Festival do Imigrante não se arrependeu e pôde ver de perto a estreia da mais nova atração turística de Santos: um bonde japonês, fabricado em 1950, doado pela cidade de Nagasaki, e que agora compõe a Linha Turística do Bonde. A entrega do elétrico foi contou apresentações de dança e música típicas do Japão.

A terra do sol nascente também marcou presença nas oficinas de mangá, origami e shodô, esta ministrada pela jovem imigrante japonesa, Riko Matsushita, de 21 anos, e que está há apenas um mês no Brasil. Após estudar português por dois anos no Japão, ela ficará um ano dando aulas na Associação Japonesa de Santos.

Riko declarou que a experiência nas oficinas do Festival do Imigrante foi bastante divertida e elogiou os participantes. “Todos tiveram muita facilidade para aprender. Brasileiro, além de simpático, aprende rápido”.

No palco principal, a saga dos estrangeiros, que atravessaram mares para reiniciar a vida no Brasil, foram lembrados no teatro de fantoches ‘Vovô, um imigrante’, com a Cia. Truks, que atraiu a atenção não só de crianças, mas também de adultos. A peça, com vários recursos cênicos, foi apresentada após o Amigos do Ballet Afro de Santos e Banda Querô-Arte no Dique, e o Studio Osiris de Danças ocuparem o palco instalado na Rua São Bento, representando, respectivamente, a África e os países árabes.

O público prolongou-se nas palmas para o Andrea Bocelli Duo-La Storia in Concerta e elogiou a qualidade vocal do tenor Germano Brissac e da soprano Fabiola Cariatti, que interpretaram sucessos como Con Te Partirò. Após o duo, foi a vez do Ballet Ana Rennó, de dança folclórica italiana, envolver a todos com seu ritmo. Na sequência, mais uma apresentação de dança, desta vez do Balé da Cidade de Santos com o espetáculo Páginas, em homenagem à Edith Piaf, aplaudida de pé pelo público.

“Viemos conhecer o Museu do Café e acabamos dando uma esticada aqui. Valeu a pena ficar mais um pouco, pois é muito bom curtir a cultura de cada país”, comentou a paulistana Maria Estela Fernandes, minutos antes de conferir o show de Fábio Exagerado & Banda Ideologia, que fizeram um tributo a Cazuza.

 

Fotos: Fabrizio Neitzke e Rogério Bomfim.

Galeria de Imagens

Banda Querô se apresenta no palco. #pracegover
Banda Querô foi uma das atrações na festa.
Artistas apresentam teatro de bonecos. #pracegover
Apresentação de teatro de bonecos.
Crianças e adultos acompanham apresentação de teatro de bonecos. #pracegover
Teatro de bonecos prendeu atenção do público.
Casal tira foto com personagens A Bela e a Fera.
A Bela e a Fera foram requisitados para fotos.
Bailarinas de dança do ventre se apresentam no palco. #pracegover
Dança do ventre entretém o público.
Público assiste o show de tributo a Cazuza.
Tributo a Cazuza encerrou o segundo dia.

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.