Conteúdo

Exposição de gatos gigantes prossegue neste domingo em Santos

29 de junho de 2019
19h 32

Yoda é um gato da raça maine coon, de 2 anos e seis meses, que tem, na “grandeza” de sua beleza, o mesmo tamanho da docilidade. Ele veio de Ribeirão Pires (Grande São Paulo) e está entre os mais de 100 felinos em exposição até este domingo (30) no 1º Desafio de Gigantes – Maine Coon América, das 10h às 18h, no Clube Sírio Libanês (Avenida Ana Costa, 473, Gonzaga).

Aberto neste sábado (29), o evento é realizado pela Associação da Raça Maine Coon no Brasil (Amacoon) com o objetivo de incentivar o intercâmbio entre os "gateiros" e as atividades de bem-estar a esses animais e conta também com campeonato, que pode ser acompanhado pelo público apaixonado por esse universo e por curiosos em conhecer a raça que pode alcançar 1,2 metro de comprimento – três vezes maior do que outros gatos.

A entrada é gratuita, mas é preciso levar como doação um brinquedo novo para bichanos, a ser encaminhado ao Conselho Municipal para Proteção à Vida Animal (Comvida), ligado à Prefeitura.

“Gatos são minha paixão desde criança. E quando conheci essa raça, me apaixonei. Yoda é muito bonzinho”, disse a criadora Sandra Lúcia Vinadê, 50 anos. Além dele, ela trouxe mais três gigantes para a exposição.
Moradora da Pompeia, a família de Priscila Ribeiro Teixeira, 41 anos, esteve entre os visitantes deste sábado (29). “É cada um mais lindo que o outro. Dá vontade de levar todos para casa”, falou Priscila, que recentemente adotou um gatinho sem raça definida (SRD) preto, de três meses.

 

Campeonato

Os felinos que participam do campeonato são de várias cidades do Estado (Limeira, Ribeirão Pires, Arujá, Atibaia, Itaquaquecetuba, São João da Barra, Cotia, Santos e Cubatão) e de Minas Gerais, além de países como México, Argentina e Noruega. Eles são avaliados por juízes da Polônia, Dinamarca e República Tcheca, sob critérios que obedecem ao padrão da raça e às regras oficiais da Federação Felina Brasileira, filiada à entidade mundial Federation Internacionale Feline (Fife).

Neste domingo (30) de manhã será feita a indicação dos finalistas e o vencedor será anunciado de tarde como o “Best in Show”, junto de troféu e pacotes de ração. “São mais de 50 troféus que serão distribuídos entre os gatos”, ressalta uma das organizadoras da Amacoon, Glória Linares, destacando que o evento traz muita gente para a Cidade. “Santos é um lugar bonito e histórico. Os expositores gostam de vir para cá”.

 

Deficientes visuais

Como ocorreu no último evento da Amacoon, os deficientes visuais têm auxílio de áudio descrição e a possibilidade do toque, para conhecerem os bichanos.

 

 

Atrações

No local, a empresa de cosméticos Ecocat oferece aulas de banho. Visitantes também podem conferir estandes com artigos especializados do universo felino e participar de uma oficina de amigurumi (técnica japonesa para fazer bonecos de crochê ou tricô), ministrada por alunos da Universidade São Judas e com doação das linhas pela Amacoon, para fazer camundongos de brinquedo a serem doados para ONGs. Interessados em adotar gatinhos SRD ainda encontram, durante o evento, fichas para serem preenchidas e encaminhadas a ONGs da região.

 

 

Galeria de Imagens

Mulher carrega gato no colo com a cabeça do animal encostada em seu ombro
Gato sentado sobre bancada é observado por três pessoas
Gato sentado sobre bancada é acariciado por pessoa que está em pé

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.