Conteúdo

Executada em 85%, obra do Parque Tecnológico de Santos recebe visita de estudantes e conselheiros da juventude

9 de setembro de 2019
17h 27

Pelo programa Fiscaliza Santos, membros do Conselho Municipal da Juventude e estudantes de Engenharia formaram na manhã desta sexta-feira (6) o grupo participante da visita monitorada ao edifício onde funcionará o Parque Tecnológico de Santos, na esquina das ruas Constituição e Henrique Porchat, na Vila Nova. A obra se encontra 85% executada e deve ser entregue até o fim do ano.

Por seis dos nove pavimentos do prédio, os visitantes foram guiados pelos arquitetos Ronald Santos e Roger Guerra, ambos da Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi). Informações sobre a futura utilização do espaço foram prestadas por Claudia Maria Salles, chefe do Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Governo (Segov).

O conceito de “modernização do espaço de trabalho” foi detalhado por Santos durante a passagem pela área em que ficarão os equipamentos para atividades físicas, vestiários e bicicletários. “Não basta apenas o discurso. A estrutura também tem que ser incentivadora de novas reações humanas”, disse, referindo-se às facilidades oferecidas para o uso da bicicleta por quem vier a trabalhar no edifício.

O grupo conheceu ainda os amplos espaços que serão divididos em módulos – de acordo com o tamanho das empresas instaladas – e as partes destinadas a auditório, refeitório, sanitários acessíveis, copas e eventos ao ar livre. Outra demonstração foi o caminho que será percorrido pelos cabos de comunicação, expostos e de fácil acesso para instalações – incluindo salas de trabalho compartilhado (coworking).

VISITANTES

Estudante do quinto semestre de Engenharia Civil, Diego Leal adquiriu novos conhecimentos sobre técnicas de obra. “Acabei vendo um esquema de concretagem em curva, do qual não tinha muita noção”, disse, elogiando o conceito da edificação. “Achei interessante o aspecto mais industrial da construção, que dá um ar mais inovador a um local onde se geram ideias. Não é uma coisa quadrada”.

Presidente do Conselho Municipal da Juventude, o advogado Henrique Pabst também mencionou o projeto como inovador”, apontando compatibilidade com o público recém-formado nas universidades. “Essa parte elétrica visível tem tudo a ver com startup e tecnologia. Esse local tende a atrair bastante os jovens, inclusive por ter um espaço destinado a bicicletário e vestiário”. Ele relata ainda que esclareceu as dúvidas que possuía. “Não temos do que reclamar. Conhecemos todos os andares. Foi explicado até sobre o tipo de material utilizado e as questões técnicas de energia e hidráulica”.

ESTRUTURA

Com 9,5 mil metros quadrados de área construída, o edifício será composto de térreo e mais oito andares, onde empresas, profissionais, universidades e acadêmicos atuarão nas áreas de pesquisa e inovação tecnológica em espaços compartilhados e laboratórios multiúso. Sob fiscalização da Siedi, a obra é finalizada com investimento de R$ 11,9 milhões, proveniente da empresa Ecoporto.

COMO PARTICIPAR

Qualquer munícipe pode participar das visitas monitoradas, fazendo o agendamento pelo site da Ouvidoria Transparência e Controle (OTC), pelo telefone 162 ou pelo e-mail transparencia@santos.sp.gov.br. As solicitações serão avaliadas e agendadas conforme a disponibilidade de datas.

Fotos: Rogério Bomfim

Galeria de Imagens

visitantes na porta da obra #pracegover
visitantes estão na frente de janela de vidro #pracegover
visitantes posam para a foto na frente da obra #pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.