Conteúdo

Estacas de trecho da ponte dentro do Rio São Jorge começam receber revestimento 

20 de fevereiro de 2020
17h 45

As obras da ponte sobre o Rio São Jorge, que ligará a Zona Noroeste à Rodovia Anchieta, seguem em ritmo acelerado. Nesta quinta-feira, foi iniciado o revestimento de todas as estacas já implantadas no trecho de rio. Serão colocadas camisas metálicas - tubos que revestem estruturas e recebem concreto para consolidação. 

“Nesse caso, o objetivo é proteger a estaca da influência da maré e do lençol freático para que não haja corrosão do material”, explicou o engenheiro César Rizzo Fiuza, da Queiroz Galvão, .    

O trecho que vai passar em cima do rio já tem 24 estacas cravadas dentro d’água, das 66 que serão necessárias para a conclusão dessa parte. Já a ponte inteira contará com 495 estacas implantadas nos 600 metros de extensão da ponte, sendo que 392 foram cravadas. 

 

ETAPAS

Após a colocação das camisas metálicas, as equipes técnicas realizam a limpeza interna do tubo para a retirada de resíduos e este fica pronto para o recebimento da armação e da concretagem. 

As estacas dentro do trecho de rio estão sendo cravadas a 55 metros de profundidade e as camisas metálicas, a oito metros de profundidade. “As camisas ficam numa profundidade menor porque é justamente onde há alteração da água. Com o revestimento, a estaca não terá contato com essa variação do lençol freático e a estrutura fica totalmente protegida”, explicou o engenheiro Fiuza. 

BALSA

Uma balsa de 400 toneladas, com 18 metros de largura por 32 de comprimento foi montada para dar suporte às obras da ponte sobre o Rio São Jorge e para a cravação das estacas. Em cima da embarcação há um guindaste com cerca de 40 metros de altura, que sustenta 110 toneladas. Na margem do rio, há outro guindaste que sustenta 75 toneladas e que está sendo utilizado na mesma operação.


 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.