Conteúdo

Escadaria reformada em morro de Santos ganha decoração especial

9 de abril de 2020
14h 32
Menino e mulher posam para foto em escadaria pintada com motivos de natureza e palavras como Foco, Força, Fé. #Paratodosverem

Moradores do Morro São Bento podem agora utilizar, com mais conforto e segurança, um importante acesso que liga o Largo do Machado a outras regiões. A escadaria Santa Mariza, uma referência para os moradores e construída em 1950 pelos portugueses, foi totalmente reformada e ganhou até mesmo um trabalho artístico, com muitas cores e mensagens de incentivo para quem vive naquela região.

“A escadaria estava deteriorada, insegura. Era toda feita de pedra e havia desníveis, buracos. Destinamos uma equipe para a obra, que durou 14 meses, e tudo precisou ser desmontado e reconstruído”, explicou o subprefeito dos Morros, Luiz Bezzi.

A etapa inicial dos trabalhos contou com parceria da Sabesp para identificação de vazamentos, já que havia infiltrações pela galeria da rede de esgoto que passava pela escadaria, causando afundamento nos degraus. Em seguida, a estrutura foi demolida e uma nova escadaria foi implantada. E toda a estrutura ganhou um corrimão, o que dá mais segurança a quem subir ou descer.

Segundo Bezzi, após a conclusão da reforma, surgiu a ideia de um trabalho artístico no local. E foi pelas mãos do artista urbano Daniel Alves Fernandes que os 85 degraus da escadaria ganharam uma nova cara. “Escolhi frases e palavras verdadeiras para mim e para minha arte. Acho que ela está mais bonita e a mensagem principal que fica de que a esperança nunca pode morrer”.

A pintura durou cerca de duas semanas. A reforma e parte do material foram providenciadas pela Prefeitura, enquanto o artista urbano entrou com outra parte. E a mão de obra foi paga por um empresário da Cidade que prefere não se identificar. Agora, segundo Bezzi, o objetivo é reforçar a iluminação no local.

SEM BURACOS

Kaíque Gabriel Mello da Costa, de 10 anos, mora em frente à escadaria e estava feliz em ver o resultado da reforma. “Minha avó pode agora usar o corrimão, além de todos da comunidade que precisam. Ninguém mais vai pisar naqueles degraus esburacados”.

Aparecida Sardinha Jesus de Mello concorda com o neto e conta que sofre de artrite. Agora, utilizar a escadaria está bem mais seguro. “Ficou linda”.

 

Fotos: Anderson Bianchi

Galeria de Imagens

Mulher com criança no colo, de costas para a imagem, sobe a escadaria. #Paratodosverem
Homem usando máscara, devido ao coronavírus, está em close. Ao fundo, há escada com a obra do artista. #Paratodosverem