Conteúdo

Definido comitê que coordenará encontro de Cidades Criativas em Santos

18 de fevereiro de 2020
16h 37

O comitê organizador da 14ª Conferência Anual da Rede de Cidades Criativas da Unesco, que será realizada em Santos entre 13 e 17 de julho, se reuniu pela primeira vez nesta segunda (17), no salão nobre da Prefeitura, para conhecer a programação do evento.
O grupo, composto por 70 representantes da Prefeitura, foi setorizado em comissões como Relações Internacionais, Núcleos Criativos, Vilas Criativas, Comunicação e Meio Ambiente, entre outros. 


Com o tema Criatividade como caminho para a igualdade, a conferência trará a Santos representantes de 246 cidades do mundo e pretende demonstrar o poder da criatividade e da cultura como fator de desenvolvimento social, urbano, econômico e sustentável para redução das desigualdades no mundo. 
Além das reuniões da rede de cidades, uma agenda paralela acontecerá em pontos como Museu Pelé, Arcos do Valongo, Parque Municipal Roberto Mário Santini e Casa da Frontaria Azulejada, onde haverá atividades abertas ao público. 


Ao todo, a rede mundial abrange municípios de inúmeras nacionalidades, sendo que o Brasil, incluindo Santos, criativa em cinema desde 2015, tem dez cidades com o selo. Esta será a primeira vez que o encontro acontecerá em um País da América Latina.
“Santos foi selecionada como anfitriã para a conferência, um evento importante que trará representantes cerca de 80 países, mais de 600 pessoas na nossa Cidade para participar exclusivamente da programação. Inclusive, na semana que vem, vamos receber a missão preparatória, com membros do secretariado da Unesco que vêm conhecer os locais onde faremos os eventos e, também, este grupo de trabalho”, explicou Selley Storino, assessora do gabinete do Prefeito.


Rede Criativa no Brasil

A Rede Criativa mundial abrange sete áreas: Artesanato e Artes Populares, Artes Midiáticas (Tecnologia), Filme (Cinema), Design, Gastronomia, Literatura e Música. 
Seleção de Santos
A decisão sobre Santos sediar a Conferência da Unesco ocorreu por meio de votação no mês de agosto de 2018, em Cracóvia, na Polônia, quando a Cidade concorreu com mais sete e venceu na final os municípios de Puebla (México) e Belém (PA). 


Para Rogério Santos, secretário de Governo, Santos se destacou pelo trabalho realizado na área de inclusão social. “Temos toda estrutura para receber um evento deste porte: acomodação, segurança, saúde, turismo e belezas naturais. Mas, além disso, a Cidade se destacou na escolha porque desenvolve um projeto de igualdade social, que são as Vilas Criativas. Conseguimos implantar uma política pública para inclusão do empreendedorismo em áreas de vulnerabilidade, e isso foi o que sensibilizou a Unesco e causa a curiosidade nas cidades da rede”. 

 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.