Conteúdo

Dança de Rua e K-Pop têm inscrições abertas

15 de março de 2018
18h 10
Jovens dançam K-Pop no vão livre do Centro de Cultura Patrícia Galvão. Professor orienta. #pracegover

Mais de 17 mil quilômetros separam o Brasil e a Coreia do Sul. No entanto, para um grupo de jovens que participam das aulas de Dança de Rua e K-Pop oferecidos gratuitamente pela Secretaria de Cultura a distância entre as duas nações está cada vez menor. Nova febre entre a garotada, o K- Pop (música pop coreana) é um ritmo que mistura rock, jazz, hip hop e R&B americanos com toques da cultural oriental, unindo no mesmo pacote música, videoclipes cheios de efeitos especiais e coreografias elaboradas.

“O número de jovens que se reúnem para dançar K-Pop está aumentando cada vez mais, e estamos acompanhando essa tendência. Aqui a gente se preocupa em dar uma formação a eles, ensinando a postura correta, contagem coreográfica e uso adequado do espaço onde eles dançam”, explica o professor Ricardo Andrade, que já soma mais de 20 anos de experiência.

Durante a aula de Dança de Rua e K-Pop realizada nesta quinta-feira (15), sucessos dos grupos BTS e CLC, além de músicas de outros ritmos urbanos, marcavam os passos do grupo de alunos, formado predominantemente por meninas.

Uma delas era a estudante Raynna de Carvalho, 14 anos. Apaixonada pelo grupo Monsta X, ela conheceu o K-Pop por meio de vídeos na Internet. “Quando vi pela primeira vez, disse: eu preciso dançar isso. Eu sou um pouco tímida, mas quando estou dançando, foco nos passos e perco a vergonha”.

Já estudante Nayane Bittencourt diz que sempre gostou de dançar e que pratica as coreografias até mesmo fora das aulas. “Faço parte de um grupo de cover, então, estou sempre dançando, mesmo que seja sozinha em casa”, conta a jovem, apontando outro ponto positivo no K-Pop. “Você sempre acaba conhecendo pessoas de outros grupos e fazendo novos amigos”.    

INSCRIÇÕES

Quem quiser se inscrever para aulas de Dança de Rua e K-Pop deve ser apressar: as inscrições terminam no próximo dia 25. A modalidade é apenas uma dos 21 cursos oferecidos pelo programa Fábrica Cultural, que está dispondo um total de 780 vagas para aulas de dança, artes visuais, artes cênicas e música, realizadas no Centro Cultural da Zona Noroeste (Av. Afonso Schmidt s/nº, Castelo), Centro Turístico, Esportivo e Cultural do Morro São Bento (Rua São Luiz s/nº) e no Cais Milton Teixeira (Avenida Rangel Pestana, 150, Vila Mathias).

Os interessados podem se inscrever aqui Cada munícipe tem direito a apenas uma vaga. A idade mínima para se inscrever em qualquer atividade é 5 anos, e a máxima varia de acordo com cada curso. Ao término do processo de inscrição digital, o site vai gerar um protocolo com o endereço da secretaria onde o aluno deve se apresentar.

Para confirmar a matrícula, os candidatos precisam obrigatoriamente comparecer ao endereço informado no protocolo com o RG (original e cópia), comprovante de residência de Santos e uma foto 3x4. Para as inscrições de menores de 18 anos é necessário apresentar os documentos (RG ou certidão de nascimento) do aluno e de seu responsável, que deve também se apresentar no local para a efetivação da matrícula.      

Atestados

Candidatos às atividades de dança devem entregar, na confirmação da matrícula, atestado médico que indique aptidão física. Aqueles que realizaram inscrição para os cursos de dança na primeira chamada, que ocorreu de 19 a 25 de fevereiro, mas não levaram o documento médico de aptidão têm até o dia 25 de março para apresentá-lo. Informações: 3202-3570.

         

Cursos disponíveis

         

Cais Milton Teixeira

  • Artes Visuais
  • Coral Canto Livre
  • Dança de Rua Infantil e K-Pop
  • Dança de Salão
  • Dança esportiva
  • Dança em cadeira de rodas
  • Fit Dance
  • Ritmos kids
  • Teatro
  • Teclado
  • Zumba

Centro Cultural da Zona Noroeste

  • Balé
  • Ballet clássico adulto
  • Capoeira
  • Dança de Rua e K-Pop
  • Dança do Ventre
  • Mangá
  • Teatro

 

Centro Cultural do Morro São Bento

  • Balé
  • Violão
  • Bordado da Ilha da Madeira

Foto: Francisco Arrais

 

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.