Conteúdo

Cooperativa de Santos recebe novos uniformes e materiais para acondicionar resíduos recicláveis

11 de dezembro de 2019
15h 21

Andressa Luzirão

A Cooperativa de Materiais Recicláveis Santista (Comares) recebeu, na manhã da última terça-feira (10), 50 novos big bags com capacidade unitária de 1.000 litros e 300 camisetas para uniforme dos cerca de 100 cooperados.

O material, entregue pela Secretaria de Meio Ambiente (Semam), vai auxiliar no aprimoramento do trabalho da associação e faz parte dos esforços da Prefeitura para ampliar a coleta seletiva, que em 2018 registrou aumento de 321% (pulando de 3.765 toneladas em 2016 para 12.110 toneladas em 2018). Neste ano, entre janeiro e outubro, já são 9.989 toneladas coletadas.

Os big bags serão utilizados para acondicionar os resíduos separadamente (PETs por cor, plásticos por tipo, metais pela composição, entre outros) na Usina de Reciclagem, na Alemoa. Para a presidente da Comares, Odete Cunha dos Santos, o apoio da Prefeitura tem sido fundamental para o trabalho dos cooperados. “É um trabalho difícil, mas que tem grande importância social, pois muitos dependem totalmente da renda obtida com a venda dos recicláveis”.

Durante a entrega do material na associação, instalada na Alemoa, o secretário de Meio Ambiente (Semam), Marcos Libório, ressaltou que “hoje, na Comares, são 100 famílias que vivem da venda dos recicláveis que cada santista separa e destina corretamente para a coleta seletiva”. Santos tem, atualmente, quatro cooperativas de catadores legalmente registradas e aptas a prestar serviços de coleta na Cidade – Comares, ONG Sem Fronteira, ABC Marbras e Reciclar é Viver. Antes da entrada em vigor do Programa Recicla Santos (lei 952/2017), apenas a Comares, fundada em 2003, atuava no Município.

Galeria de Imagens

desenho de uma big  bag #pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.