Conteúdo
Notícias

Consultas e serviços sem urgência estão suspensos na rede de Saúde de Santos

Publicado: 25 de março de 2020
12h 16
Atualizado: 9 de setembro de 2020
17h 44

Seguindo as recomendações do Governo do Estado para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Secretaria Municipal de Saúde está suspendendo os atendimentos e procedimentos eletivos (agendados, não urgentes) na rede municipal a partir desta terça-feira (24) até 7 de abril. Todos os pacientes serão reinseridos na lista de espera e remarcados. Agora, será dada prioridade à triagem e aos atendimentos de pacientes com suspeita de Covid-19.


Desta forma, o atendimento ao público continuará de segunda a sexta em 31 policlínicas da Cidade para a triagem de casos suspeitos da doença, atendimentos para gestantes e recém-nascidos de até seis meses, inalações com prescrições médicas, curativos mais complexos, emergências odontológicas e vacinação. Os Centros de Atenção Psicossocial (Caps) vão priorizar os casos mais urgentes e outras unidades especializadas manterão serviços essenciais (ver quadro abaixo).


Todos os dias (24 horas), também funcionam as unidades de pronto atendimento Central e Zona Noroeste e o Pronto-Socorro Provisório da Zona Leste, o Hospital de Pequeno Porte (HPP) e os complexos hospitalares da Zona Noroeste e dos Estivadores (exceto serviços e exames ambulatoriais).


“A orientação é que os pacientes com sintomas da Covid-19 somente se dirijam às policlínicas e UPAs em caso de febre persistente e alterações respiratórias como falta de ar. A população tem atendido a este apelo e já registramos nos últimos dias uma redução de 65% na procura pelas UPAs”, explica o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz.

 

Unidades abertas

 

  • Policlínicas
  • Centros de Atenção Psicossocial
  • UPA Central
  • UPA Zona Noroeste
  • PS Provisório da Zona Leste
  • Hospital de Pequeno Porte
  • Complexo Hospitalar da Zona Noroeste
  • Complexo Hospitalar dos Estivadores



Serviços mantidos nas unidades especializadas

 

Seção de Prevenção (Spredin) – Centro de Controle de Doenças Infectocontagiosas (CCDI)

  • Atendimento de pacientes descompensados e/ou com exames alterados;
  • Testagens e coletas;
  • Teste Rápido – TR de HIV e Sífilis;
  • Distribuição de autoteste;
  • Pacientes sintomáticos e casos encaminhados;
  • Tratamento de sífilis em curso;
  • Logística de preservativos masculinos e femininos.


Serviço de Atenção Especializada – Adulto (CCDI)

  • Atendimento de pacientes descompensados e/ou com exames alterados;
  • Atendimento de casos novos;
  • Atenção de casos de PEP e PREP;
  • Dispensação de medicamentos para 90 dias.


Serviço de Atenção Especializada – Infantil (CCDI)

  • Crianças (HIV, tuberculose, sífilis congênita e toxoplasmose).
  • Recém nascidos encaminhados;
  • Pré-natal de gestantes soropositivas;
  • Medicamentos ARV para 90 dias às crianças soropositivas.


Ambulatório de Tuberculose

  • Dispensação de medicamentos;
  • Realização do PPD (exame de triagem).


Rede de Saúde Mental (Centros de Apoio Psicossocial – Caps)

  • Hospitalidade Integral (HI);
  • Dispensação de medicamentos;
  • Acolhimento de demanda espontânea;
  • Cuidados de casos de desorganização mental grave ou de risco para a saúde do usuário com Hospitalidade Dia (HD), se necessário;
  • Fornecimento de refeição aos usuários regulares em situação de rua;
  • Orientações por telefone.


Saúde Auditiva (Secresa)

  • Programação de aparelhos – AASI;
  • Pacientes com queixa de dor decorrente do uso de AASI.


Recuperação e Fisioterapia (Serfis-ZNO)

  • Atendimento para pacientes com menos de 65 anos: reabilitação neurofuncional em andamento de não idosos; pacientes com fraturas recentes, vítimas recentes de acidente vascular encefálico e traumatismo craniano encefálico que tiveram alta hospitalar
  • Recém-nascidos de risco com atraso no desenvolvimento.

Recuperação e Fisioterapia (Serfis-ZOI)

  • Atendimentos Pós-cirúrgico;
  • Fraturas;
  • Casos agudos.


Instituto da Mulher e Casa da Gestante

  • Atendimentos de Pré-Natal de Alto Risco;
  • Reavaliação de consultas de retorno pelos médicos das especialidades (Mastologia, Cirurgia Ginecológica e Patologia Cervical), restringindo o atendimento aos casos urgentes e/ou pós-cirúrgicos;
  • Cirurgias oncológicas nos prestadores;
  • Planejamento Familiar (assistente social e psicóloga); pacientes já agendados e atender as pacientes de laqueadura no parto;
  • Paivas (Programa de Assistência Integral às Vítimas de Abuso Sexual).


Ambesp Zona Noroeste

  • Atendimento de pacientes descompensados e/ou com exames alterados;
  • Dispensação de medicamentos de uso contínuo.


Ambesp Central

  • Atendimento de pacientes descompensados e/ou com exames alterados;
  • Dispensação de medicamentos de uso contínuo;
  • Trauma de urgência.