Conteúdo

Com 290 atletas, competição aquática em Santos tem dez recordes batidos

3 de junho de 2019
14h 36

A primeira competição oficial de âmbito estadual realizada na piscina olímpica do Rebouças (Ponta da Praia) foi encerrada neste domingo (2), com a confirmação da vocação esportiva da Cidade. O Campeonato Paulista Júnior e Sênior de Inverno, da Federação Aquática Paulista, teve 10 recordes batidos em 110 provas das quais participaram 290 atletas.  O sucesso foi ainda coroado pela promessa de mais campeonatos no segundo semestre

O Sport Club Corinthians Paulista conquistou o título, ficando com o XX Troféu Salvador Granieri Sobrinho. A competição foi disputada desde sexta-feira (31), na piscina Adalberto Mariani, a única olímpica pública da Baixada Santista. O Sesi-SP ficou com o segundo lugar e a Unisanta e com o terceiro.

Uma das maiores revelações da natação brasileira, Murilo Sartori, 17 anos, foi um dos destaques. “Fiquei satisfeito. Venci as provas dos 200, 400, 800 e 1.500 metros nado livre, sendo que nos 400, bati o recorde da competição. A piscina é muito rápida, isso ajuda”. O atleta que compete por Americana é o quinto do Brasil entre adultos, nos 200 metros, e segundo do mundo entre juniores.

Campeã com o Corinthians, Erika Gonçalves, 21 anos, comentou a participação. “Fiquei com a prata nos 50 e nos 100 metros costas e no revezamento 4 x 50 metros livre. Foram resultados que ajudaram minha equipe a conquistar mais um título. Agora, sigo buscando um lugar na seleção brasileira. Todos gostaram de nadar aqui. É uma piscina muito boa”.

A competição foi organizada pela Federação Aquática Paulista, presidida por Marcelo Biazoli, que avaliou o evento. “Foi excelente, uma piscina linda, bem estruturada e elogiada por nossos atletas. Se provou extremamente rápida. Foram dez recordes do campeonato quebrados aqui. Será importante para a base, revelando novos talentos. Fomos bem recebidos, vamos trazer mais dois campeonatos no segundo semestre”.

 

Estrutura

Participaram do Campeonato Paulista Júnior e Sênior de Inverno 290 nadadores representando 42 equipes, disputando 110 provas. Marcaram presença vários convocados para as seleções brasileiras, como Murilo Sartori (Americana) e os atletas da Unisanta: Leonardo de Deus, Andre Calvelo e Victor Colonese. Foram convidadas duas equipes: Grêmio Náutico União (RS) e Seleção da Venezuela. O evento teve transmissão ao vivo pela TV FAP pelo Youtube.

Após as competições, o prefeito Paulo Alexandre Barbosa avaliou a experiência. “Preparamos uma estrutura na Cidade para essa finalidade, com uma piscina olímpica, a única pública da Baixada, coberta, aquecida e com acessibilidade. Sediamos esse grande evento que certamente será o primeiro de muitos. Santos tem agora essa capacidade de receber competições oficiais e vamos explorar mais essa vocação esportiva”.

 

Inovação

A Federação Aquática Paulista utilizou pela primeira vez um novo conceito de premiação para nadadores juniores e seniores, o “Fair Podium”. O pódio inteligente se move e faz com que a altura entre o primeiro, segundo e terceiro colocados, varie de acordo com o resultado final.

O presidente, Marcelo Biazoli, explicou. “Desde a Grécia antiga não existia uma mudança no pódio. Ficou mais justo. Quem assiste à premiação vai ter a real noção da diferença entre os atletas, ou seja quando a chegarem praticamente juntos, eles estarão quase no mesmo nível no pódio”.

 

Mais informações

Confira a classificação final, os recordes quebrados, e os resulados de todas as provas.

 

Fotos: Francisco Arrais

 

Galeria de Imagens

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.