Conteúdo

Cipó, Rei Momo 2019, morre aos 65 anos. Veja galeria de fotos

7 de março de 2019
18h 04
O Rei Momo está na passarela do sambo, com sua coroa e o cetro na mão direita. #Pracegover

O mundo do samba ficou mais triste nesta quinta-feira (7) com a morte do Rei Momo do Santos Carnaval 2019, Sergio Vicente da Graça, o Cipó, vítima de complicações cardíacas. O sambista, com 65 anos de idade, deu seus primeiros passos na folia como baliza na Escola de Samba Brasil. Passou também pela X-9 e por diversos blocos tradicionais da Cidade. Defendia, atualmente, as cores da Unidos da Zona Noroeste.

Cipó foi aclamado Rei Momo de Santos do último dia 19 de janeiro, após ter concorrido no concurso em outras sete edições. No dia da vitória, o sorriso marcante deu lugar às lágrimas. Já ostentando a coroa de Rei, declarou: “Se não vencesse este ano viria no ano que vem. Não iria desistir até conquistar o meu grande sonho”.

“Pensei que o coração dele não fosse aguentar aquela emoção”, declarou o filho único de Cipó, Leandro Nascimento, 34 anos, que comentou a conquista do pai. Definindo os 46 dias de reinado de Cipó, declarou: “Foram dias de grande felicidade para ele. Era o lugar onde desejou estar a vida inteira. Agora será rei para sempre”.

Além do filho, Cipó deixa viúva e neto. O velório do Rei Momo ocorre na quadra da escola de samba Unidos da Zona Noroeste (Rua Francisco de Domênico s/nº, Areia Branca – próximo ao Centro Esportivo M. Nascimento), na noite desta quinta-feira, ainda sem horário de início confirmado. O sepultamento ocorre nesta sexta-feira (8). 

 

Paixão e carisma farão falta ao mundo do samba

O presidente do Conselho do Samba de Santos, Carlos Alberto da Cruz (Beto, o Magistral) declarou que perdeu um amigo de longa data nesta quinta-feira. “Nós começamos no carnaval praticamente juntos, meninos ainda. Ele na Brasil e eu na X-9. Não consigo acreditar que ele se foi”.

O secretário de Cultura de Santos, Rafael Leal, destacou o amor do Rei Momo pelo samba. “A paixão que ele tinha por tudo que envolvia o mundo do samba era comovente”.  

Já o presidente da Liga Independente Cultural das Escolas de Samba  (Licess), Benedito de Andrade Fernandes, o Ditinho, afirmou que sentirá falta da espontaneidade de Cipó. “O carisma e a alegria dele foram à altura do carnaval de Santos”.

 

Foto principal: Isabela Carrari/arquivo

Galeria de Imagens

O Rei Momo samba na passarela do samba. Ele usa a coroa, a faixa do reinado e segura o cetro. #Pracegover
O Rei Momo desfila na passarela do Samba, com a faixa e a coroa. #Pracegover
Candidato se apresentado para concurso de Rei Momo. Ele está no palco diante do público. Usa uma fantasia e dança. #Pracegover
O candidato a Rei Momo samba no palco durante concurso. #Pracegover
O candidato é escolhido Rei Momo durante concurso. Ele é aplaudido. #Pracegover
Já escolhido Rei Momo, Cipó está sentado no trono, com a coroa, o cetro e a faixa do reinado. #Pracegover
Coroado, o Rei Momo sorri sentado no seu trono vermelho. #Pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.