Conteúdo

Cine Letras apresenta 'O Piano' em biblioteca de Santos

24 de setembro de 2019
13h 26

Elementos como subjetividade, belíssima fotografia, sondagem psicológica e trilha-sonora vigorosa permeiam a produção 'O Piano', da roteirista e diretora neozelandesa Jane Campion. O filme será exibido nesta quarta-feira (25) pelo projeto Cine Letras, na Biblioteca Mário Faria (Posto 6, na orla do bairro Aparecida), às 19h. A entrada é gratuita.

Na tela, a sofrida trajetória de Ada McGrath, uma mulher que não fala desde os seis anos de idade e vai para a Nova Zelândia recém-colonizada. Em companhia da filha, ela conhece seu futuro marido, com o qual não simpatiza. Para piorar a situação, o noivo, Alisdair Stewart, recusa-se a transportar o piano de Ada, que é sua maior paixão.

Porém, o administrador George Baines, imediatamente interessado na mulher, adquire o instrumento e promete devolvê-lo caso ela o ensinasse a tocá-lo. Com o tempo, as tais aulas de piano vão se tornando encontros apaixonados e os dois acabam descobrindo o verdadeiro amor.

O Cine Letras também tem participação do programa Leia Santos – Um Incentivo à Leitura, que traz a ação Adote um Livro, distribuindo gratuitamente obras literárias que serviram de base para filmes e também biografias de cineastas e atores. O evento ainda oferece ao público pipoca, refrigerante e um debate com o filósofo Rodrigo Lucheta, servidor da Secretaria de Cultura. Apoio cultural: locadora Vídeo Paradiso.

PRÊMIOS

'O Piano' ganhou a Palma de Ouro em Cannes, em 1993. Foi a primeira vez que um filme dirigido por uma mulher faturou um dos festivais mais importantes do mundo. Holly Hunter levou o Oscar de melhor atriz naquele ano por sua interpretação de Ada McGrath. O filme ainda ganhou o Oscar de melhor roteiro original (Jane Campion) e melhor atriz coadjuvante (Anna Paquin) e foi indicado nas categorias melhor filme, direção, fotografia, montagem e figurinos.

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.