Conteúdo

Balanço da greve nesta quarta-feira (15)

15 de março de 2017
9h 09

Como já era esperado, com a greve geral deflagrada hoje que interferiu no transporte público pela manhã, o balanço da greve dos servidores sofreu modificação. A Prefeitura de Santos informa que cerca de 65% dos servidores trabalharam normalmente, elevando o percentual de evasão em 5% em relação aos dias anteriores.

A Educação segue com maior comprometimento dos serviços, prejudicando cerca de 30 mil estudantes. A área da Saúde não foi paralisada, no entanto pode haver necessidade de remarcação de consultas. A rede básica de saúde conta com todas as unidades abertas.

EDUCAÇÃO
Até as 11h de hoje (15), das 81 escolas existentes no Município, 62 já foram apuradas pela Secretaria de Educação. A adesão à greve é de 76,5% nestas unidades na parte da manhã. De 1923 funcionários, 1471 não compareceram e apenas 60, dos 13.677 alunos esperados para o período foram à escola. A rotina nas 56 escolas conveniadas, que atendem 8.500 estudantes, não foi alterada.

ASSISTÊNCIA SOCIAL
Todos os sete Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) estão abertos trabalhando com equipe reduzida. Assim como os outros serviços essenciais como Creas, Centro Pop, NAI e Casa Dia para idosos. Os Cecons, Centros de Convivência estão fechados. Os três restaurantes Bom Prato funcionam normalmente. A adesão á greve na assistência social se manteve em torno de 70%.

SAÚDE
As 32 policlínicas, prontos-socorros, hospitais e unidades da atenção especializada estão abertas com quadro reduzido de funcionários. Com 38,5% de adesão de funcionários, em algumas policlínicas ocorre remarcação de consultas. Saúde Mental conta com 60% dos funcionários trabalhando e nenhuma unidade foi fechada. Pronto Socorro da Zona Leste, Zona Noroeste e Complexo Hospitalar da Zona Noroeste funcionando normalmente, embora no Complexo a equipe de enfermagem esteja reduzida. O antigo PS Central, com 100% de presença de funcionários. As unidades de controle de doenças Infectocontagiosas e ambulatórios têm adesão reduzida. Nos ambulatórios de especialidades (Ambesps) Centro e Zona Noroeste o atendimento médico está ocorrendo, embora possa haver dificuldade em agendar as consultas.

ESPORTES
Os Centros Esportivos e Recreativos Rebouças e da Zona Noroeste a greve não afeta o atendimento ao público, as unidades abriram normalmente. No M. Nascimento seis servidores pararam, mas sem prejudicar as atividades.

SEGURANÇA
A Guarda Municipal continua atuando no reforço da segurança em pontos estratégicos da Cidade. Dos cerca de 660 profissionais da Seseg, cerca de 470 são guardas municipais. Não há adesão à greve em todo o quadro da Pasta, entre guardas municipais, equipe administrativa, Gabinete e Defesa Civil.

MEIO AMBIENTE
Também Aquário como o Orquidário Municipal estão abertos à visitação pública. Cerca de 10% dos funcionários do Orquidário aderiram à greve.

Conteudo do Portal de Gestão

Para ver todas as novidades sobre "" visite o Portal Gestão

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.