Conteúdo

Audiência esclarece modernização da rede de transmissão subterrânea de energia 

21 de janeiro de 2021
19h 44

O Estudo Prévio de Impacto de Vizinhança (EIV) do projeto de modernização da rede de transmissão de energia em Santos foi tema de audiência pública virtual na tarde desta quinta-feira (21).

Reunindo representantes da Companhia Piratininga de Força e Luz (CPFL), da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e da Comissão Municipal de Análise de Impacto de Vizinhança (Comaiv), o encontro serviu para fazer esclarecimentos sobre a intervenção.

O consultor da CPFL Silvio Ramos explicou que o sistema de transmissão, que será renovado, é a rede que chega à subestação de distribuição de energia, portanto, não é a rede que chega às residências. “Em Santos, esse sistema já é subterrâneo, mas precisamos renová-lo para aumentar a capacidade de abastecimento do Município, inclusive do sistema portuário”. Ele destacou também que 90% da obra não será destrutiva, ou seja, o impacto será mínimo”.

O projeto prevê a troca e ampliação de aproximadamente 21,6km de sistema de transmissão de energia. Além da identificação e avaliação dos impactos na vizinhança decorrente de sua implantação, os profissionais da CPFL apresentaram medidas de prevenção e mitigação.  

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Urbano, Glaucus Farinello, o projeto será analisado detalhadamente pelos técnicos da Prefeitura para possíveis ajustes antes da aprovação. “O munícipe que tiver alguma dúvida pode enviar um e-mail para audiencia-eiv-aovivo@santos.sp.gov.br”. 

O Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) é um instrumento da política urbana estabelecido pelo Estatuto das Cidades (Lei nº 10.257, de julho de 2001).