Conteúdo

Aproveite o sábado para conferir a pressão nas policlínicas abertas em Santos

17 de maio de 2019
12h 59

As quatro policlínicas de Santos que estarão abertas neste sábado (18), das 9h às 16h, vão atender pacientes hipertensos já acompanhados pelo programa Hiperdia, parceria com o governo federal, e também farão avaliação da pressão arterial para quaisquer munícipes interessados. A atividade integra o programa Mais Atenção Básica, da Secretaria Municipal de Saúde, alusiva ao Dia Mundial da Hipertensão (17 de maio).

As unidades de saúde que abrem todos os sábados a partir deste mês são as policlínicas do Bom Retiro (Rua João Fracaroli s/n°), destinada ao atendimento dos moradores da Zona Noroeste; da Vila Mathias (Rua Xavier Pinheiro, 284), para a região Central/Continental; da Aparecida (Av. Pedro Lessa, 1.728), para os munícipes da Orla; e da Nova Cintra (Rua José Ozéas Barbosa s/n°), para a região dos Morros.

Os munícipes serão acolhidos pelas equipes de enfermagem e poderão fazer a aferição da pressão arterial. Se apresentar acima de 13 x 8, o paciente passará por avaliação médica ou será encaminhado para acompanhamento na policlínica de referência do seu bairro, de acordo com o quadro apresentado.

Caso o diagnóstico se confirme, será incluído no Hiperdia. O programa para hipertensos e diabéticos oferece consultas médicas periódicas, com prescrição e distribuição de antihipertensivos, orientação para mudança do estilo de vida (dieta, exercício, controle do peso e etc) e encaminhamento para grupos de atividade física e programas como o de Controle do Tabagismo e o Movimente-se.

CONSULTAS

Além das atividades para hipertensos, as quatro policlínicas também realizarão consultas de enfermagem, odontológicas e médicas para pacientes agendados e também em demanda espontânea em casos de baixa complexidade, como mal estar, febre, diarreia e dores no corpo, necessidade de curativos ou de inalação, entre outros.

Os munícipes também podem aproveitar a abertura aos sábados para a vacinação contra a gripe, destinada para maiores de seis meses de idade, ou atualização de outras doses previstas no Calendário Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. As recepções e os dispensários das unidades também atenderão ao público para agendamentos de consultas e exames básicos, orientações e retirada de medicamentos para aqueles com receita médica.

Foto: Francisco Arrais