Conteúdo

Agenda Cultural

5 de outubro de 2018
13h 09

CINEMA

 

O Animal Cordial

Dirigido por Gabriela Amaral Almeida, O Animal Cordial, suspense que flerta com slasher movie – subgênero de filmes de terror caracterizado pelo uso de violência gráfica extrema – traz a invasão a um restaurante paulistano por dois ladrões. A obra vai além dos sustos, em uma trama que também aborda questões éticas, de raça, classe e gênero. Tem atuações de Murilo Benício, Luciana Paes, Ernani Moraes, Jiddu Pinheiro, Camila Morgado, Irandhir Santos, Humberto Carrão, Ariclenes Barroso, Thais Aguiar, Eduardo Gomes e Diego Avelino. Em cartaz até o dia 10. Sessões às 16h, 18h30 e 21h. Cine Arte Posto 4 – Sala Rubens Ewald Filho. Orla do Gonzaga. Entrada: R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira). Informações: tel. 3288-4009.

 

O Homem de La Mancha

Drama, comédia e aventura se unem em O Homem de La Mancha. A produção, que integra a mostra Musicais Clássicos, foi escrita por Dale Wasserman, ganhou adaptação cinematográfica em 1972, dirigida por Arthur Hiller, e tem atuações de Peter O’Toole, Sophia Loren, Ian Richardson. A produção se passa durante a inquisição espanhola. Miguel de Cervantes é preso como herege. Ele é jogado em um calabouço ocupado também por ladrões e assassinos. Na cela é julgado pelos prisioneiros. Para se defender, conta a história de um homem idoso, que passa os dias e as noites lendo e só consegue ver a injustiça e a trapaça triunfarem. Ele se torna um cavaleiro errante, conhecido como Don Quixote de la Mancha, que decide lutar contra as injustiças. Durante o julgamento, Cervantes se transforma em Don Quixote para poder fazer a sua defesa. A sessão ainda tem bate-papo comandado por Fernando Pompeu, maestro e diretor-geral do coral cênico Broadway Voices. Sexta-feira (5). 15h30. Museu da Imagem e do Som de Santos – Miss. Piso térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Entrada gratuita.

 

Homenagem a Rita Hayworth

Dando continuidade à série de exibições que celebra o centenário de nascimento de uma das maiores divas do cinema norte-americano, Rita Hayworth, o Cine Oscar exibe o longa-metragem Gilda. Dirigida por Charles Vidor, a produção traz Johnny Farrell (Glenn Ford), que vai trabalhar para Ballin Mundson (George MacReady), proprietário de um cassino ilegal em Buenos Aires. Ele rapidamente desponta como braço direito do chefe. Tudo vai bem até que Mundson retorna de uma viagem com sua nova esposa Gilda, uma mulher do passado de Johnny. Sem saber do antigo caso entre os dois, ele designa Farrell para o trabalho de manter Gilda uma esposa fiel. Cheia de ódio, ela faz de tudo para antagonizar, intimidar e injetar ciúmes em Farrell, até que as circunstâncias permitam que ele se vingue. Dia 9. 18h30. Museu da Imagem e do Som de Santos – Miss. Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, térreo, Vila Mathias. Entrada gratuita.

 

Mostra Panorama Terror

Dirigido por Benjamin Christensen, o filme Haxan: A Feitiçaria Através dos Tempos abre a mostra Panorama Terror na Cinemateca. Lançada em 1922, documenta as perseguições movidas contra as feiticeiras numa Europa repleta de intolerância religiosa. O longa-metragem é narrado em primeira pessoa, como se o diretor desejasse demonstrar uma tese, assim enunciada: a crença nos maus espíritos, feitiçaria e bruxaria é o resultado de ingênuas noções sobre o mistério do universo. Torturas, possessões e rituais de Sabá são aqui dramatizados em uma narrativa que mistura o documentário com o drama, ilustrando uma série de analogias entre o mundo moderno e o período da Inquisição. Baseada parcialmente no estudo de Christensen do Malleus Maleficarum, guia alemão do século 15 para inquisidores, o filme carrega influências visuais nas artes góticas de Hieronymus Bosch e Pieter Bruegel. Sábado (6). 20h. Cinemateca de Santos. Rua Ministro Xavier de Toledo, 42, Campo Grande. Entrada gratuita. Outras informações pelo telefone 3251-1613 ou no Facebook www.facebook.com/Cinemateca-de-Santos-215824111903082. Apoio da locadora Vídeo Paradiso e da Secretaria Municipal de Cultura (Secult).

 

DANÇA

 

Festival Folclórico

O Rancho Folclórico Veteranos e Apaixonados pelo Folclore completou 10 anos da sua primeira apresentação e, como parte das comemorações, realiza a 3ª edição do Festival de Folclore Português – Fest. A apresentação reúne grupos como o Rancho Folclórico da Casa de Brunhosinho, Rancho Folclórico Típico Madeirense e Rancho Folclórico Tricanas de Coimbra, além da especial participação da fadista Marly Gonçalves e da apresentação do Rancho Folclórico Veteranos e Apaixonados pelo Folclore. Sábado (6). 19h. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Os ingressos custam R$ 20,00. Informações na página https://www.facebook.com/RFVeteranoseApaixonadosPeloFolclore.

 

Egyptanos – Do Oriente para o Mundo estreia no Guarany

Novo espetáculo da Tienda Kumpania Romai, Egyptanos – Do Oriente para o Mundo mistura teatro e as danças étnicas. No palco, o elenco executa coreografias ciganas, flamencas, sagradas, do ventre, tribais e folclóricas: árabes, egípcias, indianas, mouras e celtas. Dia 12. 19h30. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. Ingressos custam R$ 30,00 e R$ 60,00. Informações https://goo.gl/1WZqQV.

 

MÚSICA

 

Músicos da região homenageiam mestres do blues e do jazz

Em uma noite dedicada aos mestres do blues e do jazz, os grupos Carla Mariani Quartet e Luiz Oliveira Trio trazem em seus repertórios clássicos enraizados na cultura negra de Nova Orleans, sem deixar de apresentar suas canções autorais. Carla também aproveita para apresentar pela primeira vez, a música At Last. O espetáculo tem as participações de Carol Meles, Anderson Botega, Felipe Zack, Lucas Degásperi e Kika Willcox, entre outros convidados. Quinta-feira (4). 19h30. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. Os ingressos antecipados custam R$ 15,00. Na porta, antes do show, podem ser comprados por R$ 25,00. Compras e informações no link https://goo.gl/5ahU95.

 

Em nome do amor

O Recital em Nome do Amor traz repertório com as músicas românticas que marcaram várias gerações. A apresentação reúne Teresa Porto Allen (vocal), Rosali Muglia Duarte (teclado), Claudete Rebouças da Silva (flauta), Plácido Pereira (violão de 7 cordas) e a narração de Aníbal Gomes. Sábado (6). 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Entrada gratuita.

 

TEATRO

 

Capoeira Escola celebra 23 anos

Coordenado pelo mestre Márcio, o Capoeira Escola promove o festival Capoeira Escola, do Engenho à Universidade. O espetáculo conta a história, desenvolvimento e benefícios dessa expressão cultural brasileira que mistura arte marcial, dança e música, além de celebrar os 23 anos do projeto. Sábado (6). 19h30. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. O Ingresso custa R$ 15,00. Quem realizar a doação de um produto de limpeza ou um quilo de alimento paga a meia-entrada de R$ 7,50. Informações no link https://goo.gl/v6aEPi.  

 

Enclownsurados

Montada pela Cia. de Teatro Vinho & Alma, o espetáculo Enclownsurados traz a história de três clowns que se conhecem em uma arriscada viagem de navio entre Fortaleza e Santos, no ano de 1932. Baco Sebastiano, Chaleira e Tuf Tuf precisam dividir um minúsculo espaço no porão da embarcação. A condição existencial confinada do trio transforma a viagem em um verdadeiro caos que, permeado pelo absurdo de toda a situação, revela a condição humana. Dia 14. 16h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. No esquema pague o quanto puder, a produção do espetáculo passa o chapéu após a apresentação.

 

EXPOSIÇÕES

 

Exposição fotográfica sobre a guerra chega à Casa do Trem Bélico

Com seis painéis de fotografias e textos que registram a destruição do vilarejo Lídice, na República Tcheca, devastado por conflitos entre 1935 e 1945, a exposição itinerante A Tragédia de Lídice, organizada e realizada pelo Consulado Geral da República Tcheca em São Paulo, marca os 75 anos deste acontecimento catastrófico. A mostra também apresenta a atual Lídice reconstruída e com o Memorial das Crianças Mortas em Guerra, obra da escultora Marie Uchytilová, reconhecida pela Unesco. Visitação até o dia 25 de outubro, de terça-feira a domingo, das 11h às 17. A Casa do Trem Bélico fica na Rua Tiro Onze, 11, Centro Histórico. A entrada é gratuita.

 

Feminismo

Difundido na internet e vencedor de prêmio internacional, Nós Madalenas – Uma Palavra pelo Feminismo, projeto fotográfico que tem a proposta de vincular a imagem da mulher ao protagonismo e à autonomia sobre seu corpo e narrativa, é dica no Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss). Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias – piso térreo. Pode ser conferida até o dia 10, de segunda a sexta-feira, das 14h às 20h. A entrada é gratuita. Outras informações na página www.facebook.com/MariaRibeiroFotografia ou no site www.mariaribeiro.me.

 

Retratos de Guerra

Carregada de cores, a série Retratos de Guerra, da fotógrafa Thamara Lage, busca gerar olhares mais atentos à expressão de cada modelo de angústia e dor. A mostra, que reflete sobre as batalhas da mulher contemporânea, usa tons de camuflagem do exército para esconder a cor da pele, linhas de expressão e outras possíveis marcas corporais. Thamara propõe uma reflexão sobre as alarmantes estatísticas do nosso País, em que, a cada hora, pouco mais de 500 mulheres são vítimas de alguma violência verbal, física ou psicológica, além de discriminação de gênero, raça, etnia, desigualdade de direitos e preconceito pela sua orientação sexual. A exposição pode ser conferida até dia 10, de segunda a sexta-feira, das 14h às 20h. Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss). Centro de Cultura Patrícia Galvão, na Avenida Pinheiro Machado, 48, térreo, Vila Mathias. A entrada é gratuita.

 

Antigas igrejas do nosso litoral

A mostra Igrejas Antigas do Litoral Paulista é inspirada nas construções históricas que representam o desenvolvimento da região. O artista plástico Ângelo Gil traz obras em técnica de aguado e nanquim, e registra a importante demarcação não só religiosa, mas também territorial e cultural. A abertura ocorre no sábado (6), às 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. A mostra pode ser conferida até o próximo dia 28, com visitações de terça-feira a domingo, das 9h às 18h. Entrada gratuita.

 

Cláudio Tozzi

Grande expoente da pop art, Cláudio Tozzi teve sua obra reconhecida tanto no meio cultural quanto junto ao grande público. O artista utiliza em sua pintura ícones imediatamente reconhecíveis. A mostra segue aberta para o público até o próximo dia 14. Salão Nobre da Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Entrada gratuita.

 

EVENTOS

 

Leia Santos em outubro

Projeto da Secretaria de Cultura (Secult), o Leia Santos – Um Incentivo à Leitura celebra 12 anos neste mês de outubro. No dia 10, participa do projeto Cine Letras, que ocorre no Museu da Imagem e do Som de Santos – Miss (Av. Sen. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias), a partir das 19h. Já no dia 14, das 13h às 17h, integra a Ação Social da Vila Pantanal, na Escola Estadual Padre Bartolomeu de Gusmão (Rua Itanhaém, 388, Chico de Paula). A biblioteca móvel estaciona em mais um projeto Domingo de Lazer, na praia do Gonzaga, no dia 21, das 10h às 14h. Nos dias 26 e 27, das 10h às 14h, ocorre a celebração do Aniversário do Leia Santos, próximo à Concha Acústica (orla do Gonzaga, ao lado do canal 3). Também no dia 26, o projeto acompanha mais uma edição do evento Sexta com Arte, no Centro de Atividades Integradas (Cais) Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias), das 20h às 22h. A biblioteca móvel volta a estacionar próximo à Concha Acústica para comemorar mais uma data especial, o Dia Municipal da Doação de Livros, no dia 29, das 10h às 14h. O projeto encerra o mês de outubro no Cine Letras, dessa vez na Biblioteca Mário Faria (Posto 6, orla do bairro Aparecida), a partir das 19h.

 

Arte em Família

A atividade, que está no calendário fixo da Pinacoteca, reúne crianças de 5 a 12 anos e seus familiares, em torno das histórias contadas por Eliana Greco, que falam sobre a vida e a obra de Benedicto Calixto e do casarão que abriga parte do acervo do artista. Domingo (7). 15h30. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Entrada gratuita.

 

Conversa com Vera Léon

Jornalista e terapeuta junguiana, Vera Léon discute temas do cotidiano, desenvolvimento humano e autoconhecimento em seus encontros. Informações sobre vagas e valores podem ser obtidas com Heloísa, pelo telefone (13) 99201-5345. Ocorre todas as segundas, terças e quartas-feiras, das 17h às 19h, e, às quartas, também das 19h30 às 21h30.

 

 

ATENÇÃO: Confira mais em

https://www.facebook.com/culturasantos/

Galeria de Imagens

Cena de O Homem de La Mancha. Um homem está com os braços para o alto segurando um chapéu que parece de ferro. #Pracegover
Rita Hayworth é Gilda. Na imagem em preto e branco, a personagem está de lado, em foto com corte na altura do busto. Ela usa um vestido do tipo tomara que caia. #Pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.