Conteúdo

Ação na praia de Santos retira 20 quilos de microlixo em uma hora

25 de janeiro de 2020
20h 00
Pessoas caminham e se agacham na areia da praia. Elas fazem movimentos para coletar partículas pequenas de lixo. Ao fundo se vê os prédios da orla. #Pracegover

Vinte quilos de microlixo foram retirados das praias do Boqueirão e do Gonzaga na manhã deste sábado (25), durante o período de uma hora, na primeira ação do ano do Instituto Mar Azul (IMA), que mobilizou cerca de 60 voluntários para este trabalho. Foram 9.460 fragmentos de microlixo recolhidos, destes 5.214  bitucas de cigarro (55%) e 2.949 plásticos diversos (31%).


São considerados microlixos os resíduos pequenos que muitas vezes o serviço de rastelamento não consegue retirar da praia, como bitucas de cigarros, palitos de sorvete, tampinhas, e também plásticos em degradação – que não dá nem pra saber o que já foram um dia. Também neste sábado (25), a Prefeitura iniciou a Operação Areia Limpa, para evitar o descarte incorreto de resíduos pelos frequentadores da praia (https://www.santos.sp.gov.br/?q=noticia/santos-inicia-acao-inedita-no-pais-para-evitar-o-descarte-de-lixo-na-praia).


Outras ações voltadas à coleta de microlixo serão realizadas pelo IMA ao final de cada mês, de forma a abranger toda a orla santista até o término do ano. 


“Nós temos um passivo ambiental muito grande e precisamos fazer este trabalho para reduzir a quantidade de resíduos, seja nas praias, mangues, rios ou lagos. E nossa ação estimula a conscientização das pessoas, em especial sobre o problema do microlixo na praia”, destaca Hailton Santos, diretor-presidente do Instituto Mar Azul.


Vale lembrar que os materiais chamados biodegradáveis, embora se decompanham mais facilmente pela ação de fungos e bactérias, também são poluentes e devem ser descartados corretamente. 
Em 2019, as 19 ações do IMA retiraram 82 mil resíduos plásticos do meio ambiente e 61 mil bitucas de cigarro. Parte desse esforço se deve à voluntária Bárbara Galante, que participa desde o último mês de julho.
“Além de servir de exemplo para as pessoas, porque a população aprende muito a partir de exemplos, faço a minha parte como cidadã. Não adianta reclamar, colocar a culpa no poder público e não fazer nada”, afirma.

 

AÇÃO INÉDITA CONTRIBUI PARA A REDUÇÃO DO DESCARTE DE LIXO NA PRAIA.

Fotos: Susan Hortas

Galeria de Imagens

Pessoas agrupadas param sobre a areia segurando uma grande faixa onde se lê IMA - instituto mar azul
Mulher está agachada segurando um saquinho onde deposita pequenas partículas de lixo. Ela usa luva na mão esquerda. Ao fundo, outras pessoas estão recolhendo microlixo. #Pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.