Conteúdo

4ª barca da cultura, diversão e cultura na área continental

16 de novembro de 2009
0h 00

Os moradores da área continental tiveram um dia especial no domingo (15): a 4ª Barca da Cultura Pascoal Carlos Magno atracou nos bairros Ilha Diana, Monte Cabrão e Caruara levando uma série de apresentações de música, teatro, dança, circo e literatura, em homenagem ao dramaturgo santista Plínio Marcos. A programação começou com a montagem Mutirão do Folclore, que apresentava danças como ciranda, maculelê, xote, afoxé, carimbó e maracatu. Entre um ritmo e outro, dois palhaços animavam crianças, jovens e adultos. Além disso, cada local expunha os trabalhos produzidos durantes as aulas e as oficinas desenvolvidas pelo programa Escola Total, promovido pela prefeitura, por meio da Seduc (Secretaria de Educação). Ao final das exibições, os participantes do concurso de redação realizado nas unidades de ensino dos bairros, receberam certificados e premiação. Na Ilha Diana, Edith Hipólito Alves, 52 anos, ainda muito animada, elogiou as atrações. "A Barca traz cultura, desenvolvimento, conhecimento e diversão. Todo ano eu participo. Espero que volte sempre", enfatizou. Em Monte Cabrão, a vencedora do concurso de redação foi Géssica Barbosa dos Santos, de 15 anos. Surpresa com a conquista de melhor texto, justificou a escolha do tema: "Moro aqui há dois anos e pesquisei na internet e com moradores para contar um pouco da história do bairro". A educadora da unidade escolar do local, Mara Rúbia Ramos Nunes, comentou a importância de iniciativas desse porte. "O alunos ficam com muita expectativa e felizes com o evento. Não medem esforços para interagir e participar das atrações". Em Caruara, a euforia com a chegada da Barca não foi diferente. A população local aguardava ansiosa as apresentações e o resultado do concurso. O carioca Liniker Nogueira Aleluia, que levou o primeiro lugar na disputa, comentou sobre o evento: "Achei tudo interessante, mas gostei muito dos palhaços e do maculelê". Parceira desde a primeira edição da Barca da Cultura, a Editora Paulus distribuiu, este ano, 3 mil kits para os moradores da área continental. A coordenadora do projeto Leitura para Cidadania, Elisandra Oliveira, falou sobre a satisfação em colaborar com a iniciativa. "Estou muito feliz de participar de um evento como este, principalmente em ajudar no incentivo da leitura nestas comunidades", afirmou.