Conteúdo

Santistas homenageiam a Cidade pelos 470 anos

26 de janeiro de 2016
11h 49

Santistas renderam homenagens à Cidade, que completa hoje (26) 470 anos. Eles lembraram da infraestrutura que o município oferece e que a torna um dos melhores lugares para se viver.

A professora aposentada Gilda Martins, 60 anos, afirma que não troca Santos por nada. "Eu dei aula de ginástica na praia e agora tenho tempo para aproveitar tudo que a Cidade oferece. E é muita coisa de graça".

A funcionária da catedral Laudenir Rebelo, 51 anos, diz amar o município e elege a praia como o que a Cidade tem de melhor. "Também temos muitas atrações turísticas e a ciclovia que permite a você ir de bicicleta a muitos lugares".

Solenidades

O prefeito Paulo Alexandre Barbosa lembrou de personalidades históricas de Santos antes de deixar flores aos pés do monumento à Brás Cubas, na praça da República, durante as comemorações de aniversário do município.

"Santos só pode liderar o desenvolvimento econômico e vários indicadores de qualidade de vida porque tem uma base sólida". A solenidade atraiu autoridades civis, religiosas, militares e políticos.

A programação de aniversário seguiu com missa em Ação de Graças, na igreja de Nossa Senhora do Rosário, celebrada pelo bispo diocesano de Santos, Tarcísio Scaramussa, terminando com sessão solene na Câmara.

No Legislativo, o orador oficial, vereador Marcelo Del Bosco Amaral, fez um discurso em defesa da Câmara e da importância da vida política. Em seguida o prefeito citou que a gestão elegeu a Zona Noroeste, morros e a Área Continental como prioridades e lembrou de obras e programas desenvolvidos pela saúde, educação, assistência social e segurança pública, concluindo que o trabalho é reconhecido pelo Tribunal de Contas do Estado e pelo Ministério Público Federal.

 

Foto: Raimundo Rosa