Conteúdo

Representantes de empresas argentinas se surpreendem com atrações de Santos

16 de novembro de 2015
17h 51

Belos jardins, praia de águas calmas e temperatura agradável, atrações variadas e uma hospitalidade que se destaca. Foi essa a impressão que Gonçalo Ucha, do Hotel Meliá Buenos Aires, levou de Santos, onde esteve no último sábado (14) com mais 11 profissionais do segmento corporativo da Argentina.

“Percebe-se muita disposição por parte de quem trabalha com turismo e a Cidade está bem preparada para receber os visitantes”, comentou, fazendo um balanço do roteiro na cidade.

A viagem do grupo, que chegou no último dia 12 para uma estadia de quatro dias em São Paulo, foi organizada pela Embaixada do Brasil em Buenos Aires. “Consideramos uma ótima oportunidade de divulgação da Cidade para um público que está acostumado com viagens a São Paulo, mas gostaria de ir além e conhecer um destino perto, não apenas com praia, mas que também ofereça diversos atrativos, tal como Santos”, explicou Maria Sol Coria, assessora técnica do Setor Turismo da embaixada.

A programação em Santos foi organizada pela Setur (Secretaria de Turismo) e contou com parceria do Parque Balneário Hotel, que ofereceu apoio de serviços e a tradicional feijoada, carro-chefe do almoço de sábado.

Praia e Centro

Os visitantes ficaram cerca de duas horas na praia, com direito a banho de mar, e à tarde, acompanhados do guia de turismo André Cruz, da Setur, seguiram para o Centro Histórico, via Ponta da Praia e Perimetral.  Eles passearam de bonde, fizeram várias fotos com o vovô sabe-tudo Félix, aprovaram o programa da Prefeitura de valorização da terceira idade e visitaram o Museu Pelé. A história dos casarões e de sua reconstrução impressionou os profissionais argentinos, que se divertiram na área interativa e apreciaram o acervo do Atleta do Século 20. 

O roteiro foi finalizado no Museu do Café, que recebeu muitos elogios pela exposição ‘Café, patrimonio cultural do Brasil: ciencia, história e arte’. O grupo foi composto por profissionais da Siemens, Dow Agrosciences, Johnson & Johnson Medical, SAP, Roemmers Farmoquimica, DSM, Bemis, KPMG, GOL e Hotel Meliá Buenos Aires.

Foto: Francisco Arrais