Conteúdo

Parceria com a Grande Rio antecipa carnaval santista

2 de julho de 2015
15h 09

O Desfile Oficial das Escolas de Samba terá novas datas em 2016. A pedido da Liga Independente Cultural das Escolas de Samba de Santos (Licess), a folia na Passarela Dráusio da Cruz, na Zona Noroeste, será antecipada para os dias 29, 30 e 31 de janeiro (sexta-feira a domingo), tendo em vista não conflitar com a homenagem prestada à Cidade pela agremiação carioca Acadêmicos do Grande Rio, que desfila no domingo, dia 7 de fevereiro, na Marquês de Sapucaí, com o enredo “Fui no Itororó beber água, não achei. Mas achei a bela Santos, e por ela me apaixonei”.

O presidente administrativo da escola carioca, Milton Perácio, acompanhado do carnavalesco Fábio Ricardo e do diretor de Carnaval Ricardo Fernandes, estiveram em Santos, em evento no extinto cassino do Monte Serrat, na manhã desta quinta-feira (2), para participar de assinatura de Protocolo de Intenções entre a agremiação de Duque de Caxias e entidades atuantes nos variados segmentos municipais, objetivando a troca de informações para a estruturação do enredo.

Apresentação

A cerimônia teve apresentação da bateria da escola de samba santista X-9 e da Corte Carnavalesca local. “Estamos recebendo os representantes da Grande Rio para formalizar uma parceria que não é com a Prefeitura, mas com a Cidade. Aqui, temos todo o Município representado com suas instituições”, explicou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa.

O chefe do Executivo ainda agradeceu pela homenagem à Santos, que foi uma escolha voluntária da agremiação. “O Carnaval do Rio de Janeiro é o terceiro evento com maior repercussão mundial, com imagens transmitidas para mais de 180 países. A partir da Sapucaí, Santos será reverenciada pelo mundo. Motivo de orgulho para todos nós”.

Fabiano Paz "Dentinho", presidente da Licess, também manifestou seu apoio à escola caxiense. “A Liga está junto com a Prefeitura e com a Grande Rio, inclusive lá no Rio de Janeiro. Grande Rio campeã!”.

Presidente revela entusiasmo

Milton Perácio, presidente e fundador da Grande Rio, falou do entusiasmo para o desfile. “Eu tinha um sonho de falar sobre a nossa cidade, Duque de Caxias. Em 2007 falamos sobre ela e fomos vice-campeões. Hoje vamos falar do time pelo qual sempre torci e da Cidade de que sempre gostei. Pela Cidade que nos acolhe maravilhosamente bem”.

O carnavalesco Fábio Ricardo contou sobre a motivação para compor o enredo. “Meu pai trabalhou na área marítima e passava muito tempo longe de casa. Vinha muito a Santos e, quando voltava, sempre falava muito bem. Pesquisei sobre a Cidade e encontrei a lenda da Fonte do Itororó, que diz que todos que bebem ou se banham naquela água se apaixonam por Santos.

E muita gente importante esteve ali. Até um rei, o Rei Pelé. E a partir da fonte e do porto, contaremos a bela história de Santos no Carnaval”.

Saiba mais

O Protocolo de Intenções teve a participação das seguintes instituições: Academia Santista de Letras; Associação Comercial de Santos; Câmaras dos Dirigentes Lojistas de Santos e Santos-Praia; Câmara Municipal; Conselho do Samba; Instituto de Preservação e Difusão da História do Café e da Imigração; Instituto Histórico e Geográfico de Santos; Licess; Movimento Pró-Memória José Bonifácio; Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção Santos; Santos e Região Convention & Visitor Bureau; Santos Futebol Clube; Sociedade Humanitária de Santos; Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e do Vale do Ribeira e Casa da Cultura da Mulher Negra.

Foto: Isabela Carrari