Conteúdo

Centro Cultural e Esportivo da Penha recebe arremates finais

2 de junho de 2017
13h 13

Retoques na pintura de portas e gradis, instalação de rodapés, rejuntes externos e limpeza. Com esses serviços, a Prefeitura vai finalizando a construção do Centro Turístico, Cultural e Esportivo do Morro da Penha, na Rua Brigadeiro Newton Braga, 39. A obra civil do espaço voltado para mais de 2 mil moradores deve ser concluída neste mês.

Os trabalhos são realizados nos quatro pavimentos acessíveis por escada e elevador, sob a supervisão da Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi). O edifício de 1.250 m² é um investimento de R$ 2,7 milhões, recursos dos governos municipal e estadual.

Segundo o arquiteto Roger Improta Guerra, a obra tem 95% dos serviços prontos. Toda a parte elétrica está sendo finalizada, aguardando apenas a ligação definitiva da CPFL, que já foi solicitada. O elevador instalado terá os testes finais com a energia definitiva. E todos os ambientes previstos no projeto para receber ar condicionado já contam com os aparelhos.

Espaço vai atender anseio dos moradores do bairro

O equipamento atende a uma reivindicação da comunidade. Ocupado desde o início do século 20, o morro não conta com espaços adequados para lazer e convivência. O novo edifício terá atividades diversas para todas as faixas etárias, distribuídas pelos andares.

Na área coberta do térreo ficarão a sala de administração, secretaria, academia, brinquedoteca e banheiros (masculino, feminino e para portadores de necessidades especiais). Com mais de 500 m² de área externa livre, o centro oferece espaços para convívio, playground e um bicicletário.

O primeiro piso abriga sala multiuso e de informática e auditório com capacidade para 80 lugares. No segundo, duas salas multiuso e uma cozinha experimental equipada com pia, armários e balcão, além de refeitório, copa, depósito e despensa. O terceiro conta com quadra poliesportiva coberta para futsal, vôlei, basquete e handebol, com arquibancadas e vestiários.

Centro Cultural e Esportivo Morro da Penha

- Área construída: 1.250 m²

- Pavimentos: quatro pavimentos (térreo e mais três andares) acessíveis por escada e elevador

- Destaques: quadra para artes marciais, auditório, salas multiuso e de informática, cozinha experimental com refeitório e copa, playground

- Público-alvo: 2 mil habitantes do Morro da Penha (Censo IBGE 2010)

- Investimento: R$ 2,7 milhões

- Fonte da verba: governos municipal e estadual

Fonte: Susan Hortas